Paraenses discutem novo programa educacional

Publicado em 31 de agosto de 2011

 

As comissões de Finanças e Tributação (CFT) e de Educação e Cultura(CEC) da Câmara dos Deputados terão seus presidentes, Cláudio Puty e Fátima Bezerra, respectivamente, em Belém, nesta quinta-feira (01), para discutir com os paraenses o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego),que o Governo Federal espera aprovar até o final deste ano e implantar já em 2012 em todos os estados da federação.

Espera-se que Pronatec revitalize o ensino médio brasileiro e expanda a rede federal de educação técnica e tecnológica. Até 2014, o país contará com mais de 200 dessas unidades, totalizando 600 implantadas. O programa pretende eliminar o gargalo da mão-de-obra qualificada para alguns postos de trabalho, formando cerca de 8 milhões de pessoas, a curto e médio prazo.

Em 2010, apesar de terem sido atendidos 700 mil jovens nos cursos técnicos, isso representa apenas 10% dos cerca de 7 milhões de alunos matriculados no ensino médio. O Pronatec visa ampliar o número de vagas eexpandir as redes estaduais de educação profissional.

O Encontro Nacional do Pronatec em Belém vai ser realizado, a partir das 10h, no auditório do Centro de Ciência Naturais e Tecnológicas da Uepa (Tv. Enéas Pinheiro, entre Av. 1º deDezembro e Av. Perimentral). Também devem participar do encontro representantes dos ministérios da Educação e do Trabalho.

 

Texto: Erika Morhy

Prefeita e ex-prefeito de Rondon denunciados

Publicado em 31 de agosto de 2011

 

 

Prefeita do município de Rondon do Pará (PA), Shirley Cristina de Barros Malcher e o ex-prefeito, Olávio Silva Rocha, foram denunciados pelo Ministério Público Federal por não prestarem contas no prazo estabelecido em convênio firmado com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) no valor de R$ 900 mil, destinado à construção de sistema de saneamento de água no município.

O convênio deveria ser cumprido até o dia de 30 de dezembro de 2006, com prestação de contas prevista para até 60 dias após final da vigência. Ao terminar o prazo, o convênio foi prorrogado por mais 357 dias, com vigência até dia 31 de dezembro de 2009, durante o mandato de Olávio Silva, que não se manifestou. Em maio de 2010, a prefeitura passou a ser administrada pela atual prefeita, Shirley Malcher, que também não apresentou as contas referentes ao convênio.

“Os dois denunciados foram convocados várias vezes pela Funasa a prestarem contas dos recursos recebidos, mas sempre apresentavam respostas evasivas e, até a presente data, não se manifestaram”, explicou o procurador regional Osnir Belice.

A não prestação de contas já configura crime, que pode ser punido com detenção de três meses a três anos. A denúncia aguarda recebimento pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1).

Nº judicial: 0046387-25.2011.4.01.0000

Com informação da Ascom  MPFP

Casa da insensatez e da imoralidade

Publicado em 31 de agosto de 2011

 

 

Os pais de família de Marabá devem evitar, ao máximo, a presença de seus filhos próximos ao prédio da Câmara Municipal de Marabá.

Ali mora o perigo.

Perigo da indecência, da falta de decoro, da falta de vergonha, do desrespeito às regras básicas de preservação da ética e da honestidade.

Mais uma vez, a maioria dos vereadores vem corroborar os malefícios que majoritariamente aquela casa pode provocar às crianças e aos jovens.

Por sete votos contra cinco, a casa de imoralidade legislativa de Marabá rejeitou a instalação de uma Comissão Especial de Inquérito que iria apurar denúncias do Ministério Público contra a vereadora Elka Queiroz (PTB),  de falsificação de documentos, na apresentação de provas que a inocentasse do devio de função que ela dava ao carro da Câmara Municipal, à sua disposição.

Vereadores coniventes com a bandalheiars de Elka, que votaram contra a apuração de mais um crime da parlamentar petebista:

Elka Queiroz (ela também votou!), Ronaldo da 33, Gerson do Badeco, Antojio da Ótica, Alécio da Palmiteira, Leodato Marques e Irismar Sampaio.

Vereadores que ficaram ao lado da moralização, votando pela apuração das denúncias: Toínha Carvalho, Júlia Rosa, Vanda Américo, Ronaldo da Iara e Edivaldo Santos.

—————

Atualização às 14:27

Para você saber mais sobre o desempenho de Elka  Queiroz na Câmara Municipal de Marabá, basta escrever o nome dela no canal de pesquisa do blog (no alto).

Ou então clicar Aqui, Aqui,    Aqui, Aqui.

Ponte sobre Mojuzinho será reconstruída

Publicado em 31 de agosto de 2011

 

 

Simão Jatene prometeu às prefeituras de Goianésia, Breu Branco e Tucuruí reconstruir a ponte  sobre rio Mojuzinho,  lá na  PA-263 que faz a ligação da Pa-150, em Goianésia, aos  municípios  de  Breu Branco e Tucuruí.

A ponte já provocou dezenas de graves  acidentes e está quase intransitável, conforme mostra a foto.

Garantia foi dada pelo governador em audiência com os prefeitos, em Marabá.

 

Com 24 anos de muita luta, coragem e determinação, Jornal Pessoal já está nas bancas de Belém

Publicado em 31 de agosto de 2011

 

 

Esta quarta-feira, 31, tem sabor especial para Lucio Flávio Pinto e seus leitores.

O Jornal Pessoal chega às bancas completando 24 anos de intensa luta a favor da democracia e do desenvolvimento da Amazônia.

O blog saúda LFP e a sua pequena equipe de colaboradores.

JP já está à venda com as seguintes manchetes:

 

1- Pesquisa manipulada

 

2- JP: 24  anos

 

3- Política

O estigma Barbalho

O Pará está voltando a ser a terra sem lei, sem respeito, sem liderança autêntica, sem valores coletivos. Repetem-se as violências e aprofundam-se as violações aos direitos. Pela omissão dos principais personagens, os coadjuvantes avançam. É uma perspectiva perigosa.