Vereador festeja luta pela aprovação do Vale-Alimentação para conselheiros tutelares

Havia mais de dois anos um projeto de lei enviado pelo Executivo aguardava aprovação final na Câmara de Marabá estabelecendo direitos aos conselheiros tutelares de receberem Vale-Alimentação.

Uma força-tarefa encabeçada pelo vereador Ilker Moraes (Podemos) conseguiu, finalmente, finalizar a tramitação e votação plena da matéria.

Na articulação junto aos colegas de parlamento, o projeto teve aprovação unânime em turno único.

“É preciso destacar a luta que o vereador Miguelito Gomes também travou ao nosso lado, ajudando na articulação para que os demais vereadores apoiassem o projeto, aprovando-o”, diz Ilker.

O parlamentar lembra ainda que “o Conselho Tutelar existe em Marabá há mais de trinta anos, e em todo esse tempo, os conselheiros nunca tinham recebido Vale-Alimentação”.

Ilker e o vereador Miguelito tiveram ação destaca no projeto que dá direitos aos conselheiros tutelares, que existem em Marabá há mais de trinta anos e nunca tinham recebido vale-alimentação.

A partir de agora, passarão a receber os R$ 300,00, com o projeto de lei aprovado.

“Se tudo ocorrer dentro dos conformes, o prefeito municipal sancionando a lei imediatamente, neste mês ainda de maio, os conselheiros receberão seu vale-alimentação de R$ 300,00”, festeja Ilker Moraes, que aparece na foto exibindo matéria aprovada.

Criminalidade em Altamira: Governo age rápido e monta força-tarefa

Uma força-tarefa foi montada e deslocada, na manhã deste domingo, 15, para reforçar as ações de segurança no município de Altamira, sudoeste do Pará.

O Governo do Estado, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), mobilizou mais de 50 agentes de segurança pública, além de 14 viaturas, para fortalecer as investigações e elucidar, com maior celeridade, as ações criminosas ocorridas no município.

O governador do Estado, Helder Barbalho, juntamente com os representantes dos órgãos do Sistema de Segurança do Estado, se reuniram no município, durante este domingo, com representantes do Ministério Público e da Justiça,  desenvolvendo medidas preventivas e repressivas, para o combate às ações criminosas na região, além de investigar e prender os autores dos crimes ocorridos na noite deste sábado (14), quando foram registrados quatro homicídios e outras quatro pessoas ficaram feridas, em um estabelecimento comercial.

O governador do Estado destacou ainda a importância de construir as ações em conjunto com o Poder judiciário para dar celeridade as medidas cautelares e a necessidade de uma intervenção mais incisiva, na região, para neutralizar as ações criminosas e manter a paz social no município.

“Altamira vinha, nos últimos meses, especificadamente, de janeiro a abril, com uma média de menos de três homicídios por mês, e após, ocorre esse episódio, que destoa da regularidade que vinha sendo apresentada, compreendemos ser fundamental o diálogo com o Ministério Público e com o Poder Judiciário para que haja celeridade nas decisões cautelares, já que as linhas investigativas proferidas pela Policia Civil, já nos colocam, claramente, diante do que está gerando o aumento da criminalidade no município de Altamira”, destacou.

Nos últimos três meses do ano, no período de janeiro a março de 2022, foram registrados uma média de menos de três morte na cidade de Altamira. De acordo com dados divulgados pela Secretaria de Inteligência e Análise Criminal (Siac), nos últimos três anos Altamira já esteve entre os municípios do estado que passaram mais de 40 dias sem registrar Crimes Violentos.

No ano de 2019, de janeiro a dezembro, quando comparado com o ano de 2020 foi registrada uma queda de 63% nos índice de criminalidade. Em 2021, quando comparado com o mesmo período de 2020, os indicadores de criminalidade também apresentaram redução de 19%, apontando uma estabilidade nos números.

Para o secretário de Segurança Pública, Ualame Machado, o aporte na segurança, não somente nas ações preventivas e ostensivas, mas sobretudo, na atuação investigativa por parte da Polícia Civil e dos setores de perícia e inteligência do Estado serão de fundamental importância para combater as ações de grupos criminosos, assim como, para a captura e apreensão dos envolvidos nos crimes ocorridos em Altamira.

“As ações de ostensividade já estavam sendo desenvolvidas, não somente em Altamira, mas em todo o estado, em especial nesse final de semana para o enfrentamento da criminalidade. Porém, com o episódio ocorrido ontem montamos uma força tarefa, com estratégias voltadas para neutralizar e capturar os responsáveis pelas mortes e por outros delitos que vem ocorrendo no município de Altamira. Equipes da Divisão de Homicídio, assim como do BOPE, ROTAM,BAC, RPMONT estão em deslocamento para a região. Não deixaremos à criminalidade tomar conta dessa região assim como do nosso estado como um todo”, pontuou o titular da Segup

Logo após o atentado na loja de conveniência no município de Altamira , foi iniciada Imediatamente, as investigações por meio da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil e Núcleo de Apoio a Inteligência, para identificar os autores dos crimes.

Equipes da Divisão de Homicídios (DH) já estão em Altamira para auxiliar nas investigações, assim como da Policia Militar, por meio do Batalhão de Operações de Policiais Especiais (BOPE), Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Motorizada (Rotam), Batalhão de Ações com Cães (BAC), e ainda, o Regimento de Polícia Montada (RPMOT), a fim de assegurar a manutenção da ordem no município.

Participaram do encontro, além dos representante de todas as  forças de segurança, a exemplo, do secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado; o secretário de Administração Penitenciária Samuelson Igaki; o delegado-geral de Policia Civil, Walter Resende; e o chefe de Departamento Geral de Operações da Policia Militar, coronel Pedro Paulo dos Santos.

Estiveram presentes também, os representantes do Ministério Público de Altamira, o promotor  Alexandre Azevedo; e a juíza de direito substituto respondendo pela 2ª Vara Criminal de Altamira, Elaine Gomes Nunes de Lima. (Por Walena Lopes (SEGUP))

Em Belém, mais de 300 lideranças de bairros participam de reunião com ex-prefeito de Marabá, João Salame

Reuniões políticas com lideranças de bairros nem sempre revelam mobilizações capazes de convergir participantes de peso.

A média de pessoas que vão a  reuniões ouvir candidatos a cargos públicos não passa de 80 a 100 participantes.

Em Belém, na noite desta quarta-feira, uma grande reunião surpreendeu.

Mais de 300 pessoas foram a um encontro organizado pelo pré-candidato a deputado estadual, João Salame, demonstrando o quanto o ex-prefeito de Marabá tem trabalhado em busca de uma cadeira na Assembleia Legislativa.

Um público de qualidade formado por conhecidas lideranças de bairros da capital paraense.

E só não teve um público maior, porque a gerência do hotel onde ocorreu o encontro limitou em 320 lugares, espaço máximo do local.

Do lado de fora, dezenas de lideranças de bairros aguardaram o final da reunião para conversar com o pré-candidato.

 

100ª escola construída em menos de quatro anos será entregue em Xinguara

O Governo do Pará marca um feito inédito na história da educação paraense: a entrega da 100ª escola no Estado, em menos de quatro anos, período de gestão do governador Helder Barbalho.

Trata-se da Escola Estadual de Educação Profissional e Tecnológica de Xingura (EETEPA), que será entregue à população na próxima sexta-feira (13), que foi totalmente construída.

É mais um importante passo do Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), rumo à educação de qualidade em todas as região do estado, investindo na política de valorização ao aprendizado.

O investimento do Governo do Estado foi superior a oito milhões e quinhentos mil reais e vai beneficiar mais de 2.100 alunos, por meio de cursos, como técnico em edificações, técnico em agricultura, técnico em agropecuária, técnico em segurança do trabalho e técnico em informática.

A unidade tem 12 salas de aula, auditório, 02 laboratórios especiais, biblioteca, anfiteatro, quadra esportiva coberta, bicicletário, recreio coberto, cozinha, despensa, despensa fria, 02 vestiários feminino, 02 vestiários masculinos.

Possui também cantina, lavagem de utensílios, grêmio, deposito de manutenção de imobiliário, área de carga e descarga, laboratório química, 02 almoxarifados do laboratório, e deposito de material pedagógico.

O prédio é contemplado ainda com laboratório de biologia, laboratório de física, deposito de material multimídia, laboratório de matemática, laboratório de informática, almoxarifado do laboratório de informática, laboratório de línguas, biblioteca, banheiros, sala dos professores, sala de multimídia dos professores, diretoria, coordenação pedagógica, coordenação de estagio, sala de reprografia, almoxarifado, secretaria, auditório, guarita, estacionamento, anfiteatro, motório e bicicletário. (AgênciaPará)

Sefa comunica parada no ambiente nacional da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), nesta sexta-feira (13)

A Secretaria da Fazenda do Pará informa que o Ambiente Nacional da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) será paralisado para manutenção às 22h, da próxima sexta-feira (13) até meia-noite do dia 16, de acordo com comunicado da Receita Federal do Brasil.

Com isso diversos serviços relacionados à emissão de documentos fiscais eletrônicos ficarão indisponíveis, como os do Portal Nacional da NF-e; o recebimento no Ambiente Nacional de NF-es autorizadas pelas Secretarias de Fazenda Estaduais e consequente distribuição para a Secretaria da Fazenda de destino, nos casos de operações interestaduais; a geração de eventos quando realizados no Ambiente Nacional da NF-e, como manifestação do destinatário, replicação do evento de cancelamento da NF-e no CT-e , entre outros; distribuição de documentos fiscais para contribuintes nos termos da Nota Técnica 2014.002.

SERVIÇO

Para mais informações, os contribuintes podem acessar, aqui. Em caso de dúvidas, é possível ligar para o Call Center Sefa 0800.725.5533, ou enviar email para atendimento@sefa.pa.gov.br.