TRE exige mudança no nome da Frente pró-divisão

Publicado em 13 de outubro de 2011

 

 

Uma semana depois de anunciada a denominação da frente que defende a criação do Estado de Carajás (“Frente por um Pará mais forte”), em conversa com um juiz de Direito sobre a campanha plebiscitária, no aeroporto de Belém, ao poster, ele cantou a bola: -“Eu, particularmente, considero essa denominação uma provocação à Justiça Eleitoral, e acho que ela pode levar o TRE a indeferir o seu registro”.

Na avaliação do interlocutor, a expressão estimula o eleitor a ter uma visão emaranhada do processo, confundindo a compreensão dos menos informados.

Não deu outra.

No blog do Ademir Braz, você sabe o que está ocorrendo.