Hiroshi Bogéa On line

"Quarta-feira demoníaca"

As depredações de propriedades ocorridas durante a “Quarta-feira Demoníaca”, como foi batizado, pelos fazendeiros, o dia de ontem, teve lances de puro planejamento estratégico elaborado pelos coordenadores das ações violentas.
Primeiro, as investidas foram realizadas em conjunto pelo MST, Fetagri e Fetraf.

Às três e meia da madrugada de quarta-feira, ações orquestradas pelos movimentos sociais ocorreram, ao mesmo tempo, em pontos distintos.

A Fetagri cuidou da invasão da sede do INCRA de Marabá.

O MST soltou seus lobos-humanos nas fazendas Espírito Santo (Xinguara) e Maria Bonita (Eldorado dos Carajás).

A Fetagri botou os pés na fazenda Santa Teresa (Marabá).

A Fetraf, também no município de Marabá, invadiu a fazenda Barreira Branca.

Em operações típicas de guerrilha, as depredações foram feitas em curto espaço de tempo. Objetivo era causar pânico e prejuízos financeiros, fugindo imediatamente do flagrante.

Questionado ontem à noite se esse tipo de operação de guerrilha impossibilita a polícia de prender os depredadores das propriedades, fonte da secretaria de Segurança informou que não. “Não é difícil identificar os autores das ações, até porque o serviço de inteligência está apto a trabalhar nesse sentido”.

Mesmo com as ocorrências criminosas registradas em três municípios (Xinguara, Eldorado dos Carajás e Marabá), a secretaria de Segurança decidiu abrir apenas um inquérito policial, com sede na DECA de Marabá, para facilitar as investigações e o andamento rápido do processo.

A Polícia Civil  planeja trabalhar em três sequências.

Primeiro, identificar os autores das depredações e agressões físicas a trabalhdores. Depois, o indiciamento e o pedido de prisão dos envolvidos, que podem ser autuados por formação de quadrilha, incêndio criminoso, roubo, porte ilegal de armas, danos qualificados e esbulho possessório.

Post de 

8 Comentários

  1. Anonymous

    6 de novembro de 2009 - 14:08 - 14:08
    Reply

    ESSE MOVIMENTO ESTÁ UMA BANDALHEIRA, AINDA MAIS COM ESSE GOVERNO INCENTIVAR DE INVASÕES QUE CONTA COM OS VOTOS DO BADERNEIROS PARA A PRÓXIMA ELEIÇÃO.

  2. Anonymous

    6 de novembro de 2009 - 13:41 - 13:41
    Reply

    É isso ai Hiroshi, o MST é uma realidade, só não podemos é generalizar a coisa, tem fruta estragada em tudo nesse país, no MST, no Governo Federal, no Governo Estadual, no Governo Municipal, na PF, no MP, na PC, na PM, e o que é pior, na própria sociedade, onde fazem comércio da Reforma Agrária. O que devemos cobrar desse aguerrido movimento, bem como de todos os orgãos competentes citados acima, que retirem tais frutas. Reforma Agrária é coisa séria e deve ser tratada como coisa séria mesmo. Um país gigantesco como o nosso não pode ficar só na mão de 2% de seu povo.

  3. Anonymous

    5 de novembro de 2009 - 19:58 - 19:58
    Reply

    O que foi que os estudantes idealistas da Guerrilha do Araguaia fizeram, que até hoje procuram ossadas?
    Nada!
    Os terroristas do MST vem promovendo Barbaries e atrociadades sob uma bandeira de "Movimento Social" e sabe o que acontece?
    NAADAA!!!
    Pois são eleitores desse Governo que esta aí, na contra-partida esse mesmo governo financia toda esta farra com o dinheiro do povo, atráves das "ONGS" formadas por militantes da base de sustentação do GOVERNO OU PT.
    Hoje é só, amanhã tem mais……

  4. Hiroshi Bogéa

    5 de novembro de 2009 - 17:42 - 17:42
    Reply

    12:05, as ações radicais de alguns membros de coordenação dos movimentos sociais em nada prejudicam o juizo de valor que tenho manifestado no blog sobre a importância histórico da luta que o MST e similares desenvolvem no campo para acabar com o latifúndio selvagem que tantos males já causou a este país. Da mesma forma que no meio dos pecuaristas sérios existe gente de má índole praticando trabalho escravo, desmatamento desenfreado e o exercício de relações trabalhistas sem garantias de direitos – no seio dos sem-terras tem a xepa da feira.

  5. Hiroshi Bogéa

    5 de novembro de 2009 - 17:33 - 17:33
    Reply

    09:25, acho que você nao deve estar acompanhando o blog. No início desta semana foi divulgado aqui a devolução da ação ao juiz Cristiano MagalhCaes pelo Ministério Públio. Fica esperto, parceiro.

  6. Anonymous

    5 de novembro de 2009 - 15:05 - 15:05
    Reply

    Mas…essas ações não são motivos de elogios do blogger? o MST e seus braços armados não são o grande tutor da reforma agrária? Heiiimm, hiroshy bogéa? e agora? vais elogiar de novo ou não?

  7. Anonymous

    5 de novembro de 2009 - 13:09 - 13:09
    Reply

    Hiroshi.
    Se as autoridades não tomarem atitudes rápidas e severas, não sei não, mas estamos caminhando para coisas piores ou seja a guerra está criada falta publicar em boletim.

  8. Anonymous

    5 de novembro de 2009 - 12:25 - 12:25
    Reply

    Bom dia Hiroshi…alguma noticia sobre o processo do Maurino?
    Obrigado pela atenção!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *