Hiroshi Bogéa On line

O que disse Almir Gabriel

Com insistência, o blog conseguiu apurar o que foi tratado na conversa de Almir Gabriel com os deputados do PPS, Arnaldo Jordy e João Salame.

Amiga do ex-governador pelo PSDB, a fonte decidiu revelar ao pôster alguns detalhes do encontro para o público saber que Almir não abandonou a política – “e que estará firme e forte influenciando a eleição de 2010, no Pará” .

Trocando em miúdos:

Terceira Via
O ex-governador paraense já está trabalhando para encontar uma candidatura capaz de enfrentar Ana Júlia (PT) e Simão Jatene (PSDB).

Com quem conversar

Almir Gabriel deixou a entender aceitar conversar até com Jader Barbalho, desde que este não pleiteie candidatura ao governo do Estado. Incluir o PMDB numa composição em que Jader seja candidato ao Senado, não haverá nenhum problema.

Candidatura de Tião

Gabriel disse nada ter contra a pré-candidatura de Tião Miranda, pelo PTB, mas considera o ex-prefeito de Marabá inexperiente ainda para disputar o governo estadual.

Simpatias

Ficou claramente explícito haver da parte de Almir Gabriel dois nomes que ele apoiaria abertamente para governador, inclusive, transformando-se em soldado à cata de votos para um deles: Anivaldo Vale (PR) e Valéria Pires Franco (DEM).

Conspiração a caminho

Esclarecendo de vez a tal expressão “Vale do Rio Amargo” que ele cunhou na carta divulgada pelo Diário do Pará comunicando seu desligamento do PSDB, Almir Gabriel disse aos dois interlocutores, com todas as letras, segundo a segura fonte, haver um movimento conspiratório contra os interesses do Pará comandados pela Vale S.A e pelo hoje desafeto Simão Jatene.

Futuro partidário

Já quase no final do papo com o ex-governador, Arnaldo Jordy convidou-o a ingressar no PPS.

Neste momento, Almir levantou-se da cadeira e começou a falar alto, alegremente satisfeito:

Eu achava que não seria convidado, eu achava. Agradeço demais o convite, vamos conversar mais.

Post de 

9 Comentários

  1. Ex-aluno Jacaré

    2 de janeiro de 2010 - 04:31 - 4:31
    Reply

    Eu quero é Almir de novo, pois ele foi o governador que mais trabalhou por este estado. O que ele fez tá feito e todos nós podemos ver com os próprios olhos. O resto não passa de bla… bla… bla…

  2. nelson marzullo

    31 de dezembro de 2009 - 13:55 - 13:55
    Reply

    Infelizmente, conheci o Almir Gabriel, uma pessoa acima de DEUS, pelo menos ele acha, como tambem acha que tem o poder de decidir os rumos politicos do nosso Estado, como tambem ainda acha que basta o seu olhar maligno e seu dedo indicador em riste para que seja modificado o quadro que se avizinha (Jader + Jatene = vitoria), ledo engano, o maximo que ELE pode conseguir caso queira, pois bem, colocar o seu voto na urna, mesmo sabendo que esta facultado esse direito por ter mais de 70 anos.
    Nelson Marzullo Maia
    obs. meu computador acentos problemas

  3. Cláudio Alfonso

    25 de dezembro de 2009 - 00:45 - 0:45
    Reply

    Mas que belo oportunista esse Jordy hein? Esse pol´ticos do pará cada vez mais sem vergonhas

  4. Anonymous

    24 de dezembro de 2009 - 22:46 - 22:46
    Reply

    O grande problema do almir gabriel e que ele acha que sabe tudo, e não sabe.por isso ele perdeu a ultima eleição para ana julia.Precisamos mudar o cenario politico do para, outras alternativas.

  5. Anonymous

    23 de dezembro de 2009 - 16:28 - 16:28
    Reply

    O Almir tem de fato seu peso político, pois fez alguma coisa aquino Sudeste e Sul do Pará, ao contrátio do pescador Simão Jatene que passava todos os finais de semana em pescarias. Será mesmo que um governador que tenha compromisso gasta seu precioso tempo pescando? Um forte abraço a todos da blogosfera.

  6. Hiroshi Bogéa

    23 de dezembro de 2009 - 11:53 - 11:53
    Reply

    08:04, não, não foi o Salame. Até tentei falar com ele depois das informações colhidas junto a minha fonte de Belém para checar alguns detalhes. O celular dele, fora da área. No jornal, recebi informação de uma funcionária de nome Alice dizendo que o deputado estava para o interior. Nunca esqueça que eu tenho fontes espalhadas por todo este Estado, inclusive junto a pessoas da mais extrema confiança de Almir Gabriel, pessoas com quem ele conviveu momentos dificeis na campanha que fez para o Senado. Você errou longe, parceiro, muito distante do Sudeste do Pará. Em todo caso, valeu a tentativa! Feliz Natal.

  7. Anonymous

    23 de dezembro de 2009 - 11:04 - 11:04
    Reply

    Parabens hiroshy, pela importante informação. Vejo nela dois aspectos importantes a serem considerados. l- Dr. Almir Gabriel tem peso político sim, neste Estado, e sua participação na próxima campanha pode modificar inúmeras tendências e fortalecer outras. Jordy foi hábil em convidá-lo a ingressar no PPS, e, aguardem, Almir vai. Só aí, Simão já terá um complicador, já que o Partido meste momento está com ele. Com Almir a história será outra. 2- Jáder Barbalho jamais será candidato ao governo e as razões os mais entendidos sabem. Pela imunidade lhe restam Senado e Câmara, qualquer um dos dois ele ganha. Então, por que não se aproximar de Almir? `as favas os escrúpulos. Os dois podem ser senador, juntos. A eleição se decide aí. o PMDB, se Jáder for hábil, e sabemos que ele é, pode fazer o Governador do Estado com Dr. Almir junto "matando" de vez, Jatene. E prá finalizar: a tua fonte foi João Salame, não foi? abraços…

  8. Prof. Alan

    23 de dezembro de 2009 - 02:27 - 2:27
    Reply

    Almir Gabriel socialista.

    A essa altura da vida?

    Faz-me rir esse Jordy…

    Ou (outra leitura possível): a que ponto descem as pessoas em nome do rancor…

  9. Anonymous

    23 de dezembro de 2009 - 01:09 - 1:09
    Reply

    Almir pode ser idoso, mas não elaborou e nem amadureceu toda a experiência de sua vida. Respira vingança, e, por isso mesmo, é um homem adoecido sob todos os aspectos. E os oportunistas comoo Jordy, sabedor disso, se aproveita pra usá-lo. Vai quebrar a cara de novo…

Leave a Reply to Ex-aluno Jacaré

Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *