Na reta

Publicado em 21 de setembro de 2007

Se o relatório da Assembléia Legislativa demonstrar que a força-tarefa do Ministério do Trabalho praticou uma grande sacanagem nas dependências da Pagrisa, vai valer a suspeita pairando no Estado de que muitas operações desenvolvidas em propriedades rurais foram cercadas de autoritarismo. Ou seja, a partir de agora, toda ação das equipes de fiscais do MT no interior das fazendas será questionada por setores contrários às investigações.