Hiroshi Bogéa On line

Jader Barbalho não assumirá o Senado.

O STF acaba de indeferir o registro de candidatura ao Senado de Jader Barbalho, baseado na  Lei da Ficha Limpa.

Por maioria,  a corte defendeu o princípio da constitucionalidade, validando decisão do TSE que barrou Jader.

Celso de Mello, Joaquim Barbosa, Cármen Lúcia, Lewandowski, Ayres Britto e Ellen Gracie votaram pela validade da Lei da Ficha Limpa para este ano.

Nova eleição para o Senado deverá ocorrer no Pará.

Até a proclamação do resultado, no entanto, é possível a alteração do voto.

——————

Atualização às 20:04

O presidente do STF  Cezar Peluso declarou agora seu voto favorável a aplicação da Ficha Limpa para 2010.

Contagem final dos votos:  7 X 3.

Post de 

3 Comentários

  1. Anonymous

    28 de outubro de 2010 - 00:14 - 0:14
    Reply

    A justica tarda mas nao falha,pena nao obrigar ele a devolver o dinheiro da SUDAM.

  2. Anonymous

    27 de outubro de 2010 - 23:52 - 23:52
    Reply

    Hiroshi, você, brilhante analista como sempre, acertou mais uma vez na previsão.
    Concordo em gênero, número e grau com o José C. da Silva: livramos-nos, o Pará, livrou-se de um mal que parecia não ter cura. Nossos louvores ao Supremo.

  3. José Coruja da Silva

    27 de outubro de 2010 - 23:39 - 23:39
    Reply

    Aleluia! Já era tempo de alguém extirpar esse tumor maligno que se enraizou na política do Pará desde o final da década de 1970.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *