Interesse social

Publicado em 13 de outubro de 2010

Como o problema se arrasta havia mais de vinte anos, com o acúmulo de áreas urbanas invadidas sem a intervenção legal do setor público, propiciando o surgimento de conflitos e violência de variados níveis, a decisão da prefeitura de Marabá de declarar, os terrenos em litígio, área de interesse social , sinaliza algo de positivo no ar.

Dois bairros ocupados por cerca de oito mil pessoas começaram a receber a atenção do governo de Marabá, mediante decretos de interesse público formalizados pelo prefeito Maurino Magalhães.

As medidas conduzem o município a iniciar longa trajetória de regularização fundiária, abrindo perspectiva de se acabar com demandas responsáveis pela favelização da cidade.

Quem percorre os bairros São Miguel da Conquista e Da Paz, focos de constantes choques entre invasores e sesu antigos proprietários, sente a mudança de clima.

A declaração de interesse social acalmou os moradores.

Pontos para Miguelito Gomes, vereador nomeado Superintendente de Desenvolvimento Urbano e que tem atacado de frente o problema.