Hiroshi Bogéa On line

Hipocrisia sem-vergonha

Mestra Marise Morbach dá o seu recado, à altura de sua sensibilidade  docente:

Como escreveu Drummond: “sejamos docemente pornográficos”. O fim do ano está a poucos passos: vamos nos arrastando, rezando, suplicando, pedindo: “um pouco de pornografia aí, por favor!”.

Não é fácil viver com essas elites tão refinadas, formadas nas melhores universidades brasileiras e do exterior.

Não é fácil conviver com jornalistas ávidos por escrever no vocabulário adequado aos ‘manuais da redação’.

É de uma perfeição o cenário político que nos deixa à beira de uma congestão intelectual: são cuecas, dólares, euros, filmagens, delações e processos, que de tão refinados, ofuscam as mentes mais brilhantes do país, a ponto de um simples “merda” ser motivo para debates acalorados.

Não é fácil ser presidente dessa república orgulhosa e culta; não é não!

 
———————-

Comentaristas

Na caixa de comentários do Quinta, Marise encontra apoio à sua indignação.

Professor Alan, bate de prima:

Pois é, Marise, o Lula falou “merda”…

Como diria o meu avô, seu Raimundo: “grandes merdas!”.

Com toda a sua erudição o FHC não mudou nada no panorama do país. Aliás, se fosse com ele a imprensa diria que ele na verdade falou “merde”, em francês, o povão que teria entendido “merda”.

O problema dos políticos não é quando eles falam merda, nem quando dizem besteiras em geral.

O problema é quando eles resolvem falar – e agir – a sério…

Aí sim é que dá merda!

Bom demais essa blogosfera!

Com ela, o mundo já está sendo marravirrosamente diferente.

Post de 

11 Comentários

  1. Anonymous

    16 de dezembro de 2009 - 19:08 - 19:08
    Reply

    Ô das 17:41 hs. o Lula em nada mudou "o enche bolso" dos políticos e empreiteiros. Continua tudo como antes, além de apoiar Sarney e outros. Pelo seu fervor em defesa de Lula deduzo ser você eleitor do PT e por consequencia de Dilma. Forneça a nós, pobres mortais, a lista de realizações/contribuições da Sra. Dilma para com seu País. Dê-nos as suas credenciais para pleitear uma candidatura à presidencia desse nosso Brasil. Penso que não acharemos tais pré-requisitos. A Sra. Dilma é uma ilustre desconhecida e só foi "reconhecida" em âmbito nacional por ser apadrinhada de Lula. Pelo exposto, solicito à V. Sa. que baixe sua bola. Menos, menos…

  2. Anonymous

    15 de dezembro de 2009 - 22:52 - 22:52
    Reply

    Por causa da "merda" do Lula começou a se discutir a verdadeira política de merda deste país. Precisamos ainda que alguém aprove a porcaria da lei que transforma a bosta da corrupção em crime endiondo para mostrar a estes merdinhas o que acontece com quem faz cagada com o dinheiro público..

  3. Hiroshi Bogéa

    15 de dezembro de 2009 - 11:34 - 11:34
    Reply

    23:28, verdade Prof. Alan. Só faltou puxar a descarga.

  4. Anonymous

    15 de dezembro de 2009 - 11:24 - 11:24
    Reply

    Ô nervosinha das 17:41,mas não foi o lula que falou que o "povo tá na merda, e ele vei tirar "?? Então voce não entendeu a mensagem ???E porque sente tanta dor ??

  5. Prof. Alan

    15 de dezembro de 2009 - 02:28 - 2:28
    Reply

    Caro Hiroshi, nunca vi uma simples merda dar tanto bafafá!

    Obrigado pela lembrança.

  6. Anonymous

    14 de dezembro de 2009 - 23:43 - 23:43
    Reply

    Lula e o PT… Afff, que nojo.

  7. Anonymous

    14 de dezembro de 2009 - 20:41 - 20:41
    Reply

    Ao anônimo das 14:22!!

    Nos 7 anos do governo lula sabe quantas pessoas sairam da linha da pobreza? 30 milhões

    Nos 7 anos do governo lula sabe quantas pessoas sairam da classe D para a classe C? 20 milhoes

    Se eu for enumerar aqui todas as mudanças que ele fez para o país nesses 7 anos nao vai dar aqui na caixa de comentário, então se tem algum otário na patéia deve ser você.

  8. Anonymous

    14 de dezembro de 2009 - 17:22 - 17:22
    Reply

    No ponto de vista da maioria das pessoas que conheço,o problema não é o lula ter pronunciado a palavra "merda" (nem é pornografia e/ou fonia),o problema é que ele vai tirar o povo da merda quando ? Já se passaram SIMPLESMENTE 07(SETE) ANOS, dos seus dois mandatos. Agora ele resolveu tirar o povo da merda ? E ainda não é jogada eleitoreira ? Parem com isso !! Tem tanto otário assim na platéia ??? Paciencia…

  9. Cláudio Alfonso

    14 de dezembro de 2009 - 01:49 - 1:49
    Reply

    Ora lula nada mais fez do que falar sobre aquilo mais faz: merda!

  10. Carlos Barretto

    13 de dezembro de 2009 - 20:03 - 20:03
    Reply

    Sensacional a origem. E melhor ainda a repercussão por aqui.
    Rssss

  11. Notato

    13 de dezembro de 2009 - 18:29 - 18:29
    Reply

    Internautas,
    Antes de mais nada, quero registrar aqui meus votos de feliz natal a todos da blogosfera.
    Ao se falar da política brasileira, alguns vocábulos como enriquecimento ilícito, acordo político, dinheiro nas Ilhas Cayman, propina e muitos outros são frequentes e nada enobressem a nossa pátria.
    Rotular os políticos pelo seu partido, erros ou acertos da língua portuguesa, conhecimento e outras qualificações não seria, a meu ver, uma maneira sensata. Um lider tem seus atos baseados no caráter moldado ao longo de sua vida e principalmente infância. Os valores adquiridos nesse período da formação do caráter são fundamentais. Para fazer um comparativo imaginemos um bandido capturado pela polícia, se ele não adquirir princípios morais na cadeia, de nada vai servir a pena que ele pagará. Pois somente os valores morais é que fazem um cidadão trabalhar 8 horas por dia para ganhar um salário mínimo ao final do mês. Um bandido sem os valores morais vai sempre preferir assaltar idosos nas portas dos bancos porque dá mais resultado financeiro.
    Na política não é diferente. Não basta saber, tem que ter a nobreza de colocar em prática os princípios e vontades.
    Precisamos olhas as coisas de maneira crítica, sem apegos às ciglas partidárias. É claro que como os partidos detém os cargos, é importante observar a representatividade de cada liderança dentro do partido ao qual pertence. Como já dizia os primórdios, uma andorinha só não faz verão.
    Desde de o início das políticas públicas para estabilização da nossa econimia, alguns líderes tiverem destaque, entre eles Itamar franco, Fernando Henrique Cardoso e Luis Inácio Lula da Silva. Cada um destes ilustres senhores deu a sua contribuição para o nosso país.
    Ninguém pode negar que Itamar franco e fernado Henrique idealizaram um plano que deu certo, que estabilizou a nossa econimia e sem o qual hoje não poderíamos falar em crescimento econômico. Também é verdade que as políticas sociais nunca foram levadas a sério como no governo Lula. O crescimento econômico no governo Lula só é possível porque grande parte das políticas de FHC foram continuadas, as do Plano real.
    Devemos olhar com bons olhos tudo aquilo que fizeram de bem ao nosso país, independente da religião, partido, raça, etnia etc.
    Se o Lula não é um cara culto, tudo bem, mas é inegável que ele deu grandes avanças na distribuição de renda no Brasil.

Leave a Reply to Hiroshi Bogéa

Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *