CVRD suspende fornecimento de minério

Publicado em 22 de agosto de 2007

A Companhia Vale do Rio Doce oficializou às siderurgicas do Pólo Carajás, sem distinção, a suspensão do fornecimento de minério granulado usado por elas na producão de gusa. O corte do insumo foi comunicado através de oficio datado do dia 7 de agosto. Até o presente momento os dirigentes usineiros guardavam a questão a sete chaves. O blog conseguiu checar o fato depois de intensa movimentaçao de bastidores.
À exceção da Sidepar, empresa que possui jazida própria de minério em Floresta do Araguaia, a suspensao do granulado pára a atividade siderúrgica.
A decisão da CVRD é o desfecho da queda-de-braços da mineradora com o parque industrial de ferro gusa do Pólo Carajás no rastro de irreparáveis danos ao meio ambiente.
O blog está buscando mais informações sobre essa decisão de extraordinária repercussão.