Hiroshi Bogéa On line

A resposta de Carlos Mendes

Jornalista Carlos Mendes  rebate comentário enviado ao blog a respeito do post Financiamento de campanhas.

Já moderado na caixa de comentários, o texto vem também pra fora, na íntegra:

Prezado Hiroshi Bogéa,

Alertado por colegas de profissão fui ao teu blog e vi a acusação falsa contra mim postada com destaque. É lamentável, em primeiro lugar, que um anônimo escondido covarde e convenientemente atrás do próprio anonimato- já que lhe falta coragem suficiente para assinar o nome e se apresentar de frente para reafirmar a mentira que propaga- tenha guarida no teu blog.

Em segundo lugar, meu nome e minha credibilidade no jornalismo paraense não foram construídos com mentiras e nem matérias inventadas. Você, que se diz bem informado, deveria saber disso se checasse a informação com fontes idôneas. Pergunte à família Maiorana e ao Walmir Botelho qual o motivo de minha saída de O Liberal, jornal no qual trabalhei ininterruptamente por quase 20 anos.

Outra coisa: não fui pedir emprego no Diário do Pará, como mentirosamente também diz o anônimo a quem você abriga em seu conceituado blog. Procure saber a verdade, perguntando isso ao Jader Filho.

Com relação ao jornal O Estado de São Paulo, para o qual trabalho há 15 anos, sinto orgulho de a ele pertencer. Prova disso é o respeito que conquistei de todos os editores de todas as editorias que lá estão ou por lá já passaram.

São conquistas que nenhum mentiroso, mesmo o mais vil dos covardes, o anônimo, conseguirá remover.

Se você, Hiroshi, diverge do que escrevi sobre a campanha milionária do PT, faça o bom combate de idéias. Não tente desqualificar as informações lá expostas. Quando ouvi os responsáveis pela campanha do PT para a matéria publicada pelo Estadão e reproduzida pelo Diário em nenhum momento eles contestaram o valor estimado dos gastos.

Desejo vida longa ao teu blog e estou a tua disposição para quaisquer esclarecimentos.
Carlos Mendes

——————-
Nota do blog: como divergi da forma como o jornalista colocou o tema em matéria no Diário do Pará, fiz questão de assinar um post sobre o tema, sem desqualificar quem quer seja. Apenas reportei-me ao que realmente deveria ser pontificado: o financiamento privado das campanhas, espectro  de lavagem de dinheiro, corrupção passiva, locupletação explícita de uns e outros, e por aí vai.

O fiz pela simples razão de que enquanto não se instituir no país o financiamento público das eleições, haverá sempre alguem escrevendo que este ou aquele candidato gasta mais do que o outro, num processo velho e repetido que nada acrescenta para avançarmos no processo de modernização do sistema eleitoral.

Da forma como Carlos Mendes colocou o texto, repito,  é acrescentar hipocrisia à questão.

Post de 

4 Comentários

  1. Edivanir Augusto Marques

    7 de dezembro de 2013 - 18:08 - 18:08
    Reply

    Apenas um detalhe: Eu não daria um mísero centavo furado para que qualquer partido, candidato ou o que quer que seja dispute eleições. Que eles arranjem uma maneira mais interessante de financiar as campanhas de quem quer chegar a qualquer cargo eletivo, não com o meu dinheiro de contribuinte!

  2. Anonymous

    13 de julho de 2010 - 17:41 - 17:41
    Reply

    Que especie de jornalistta é esse que manda perguntar para os outros, ainda mais quando eles são patroes ou ex patroes dele. Jornalista gostam de falar dos outros mais não aceita que fale dele.

  3. Anonymous

    12 de julho de 2010 - 18:32 - 18:32
    Reply

    Engraçado, né? O Mendes em vez de dizer porque saiu de O Liberal, manda vc perguntar ao Walmir Botelho. Desse jeito ele vai acabar negando que tenha integrado os quadros do partido que sucedeu a Arena. Vai mandar perguntar ao Jarbas Passarinho?

  4. OLINTO

    12 de julho de 2010 - 16:52 - 16:52
    Reply

    Hiroshi,

    Este comentário não tem a ver com o post. É que o músico goiano/tocantinense tá concorrendo no 21 prêmio de música brasileira como melhor músico regional. Como estas bandas de cá não tem muito espaço na mídia e tratando-se de um amigo talentoso, peço que, se possível, publique no seu blog. Grande abraço!

    Postei também uma nota no
    meu:

    http://olintovieira.blogspot.com/2010/07/juraildes-da-cruz.html

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *