Hiroshi Bogéa On line

Entre Marabá e São Domingos, os perigos da BR-230

Final de semana trágico no tráfego da BR-230, trecho entre Marabá e São Domingos do Araguaia.

Primeiro, dois motoqueiros se chocaram na altura da avenida que liga a BR-230 aos bairros Coca-Cola e Fanta.

Este ponto,aliás, tem gerado acidentes recorrentes de grandes e pequenas proporções.

O intenso fluxo de veículos que buscam aquela via está a exigir a construção de um retorno na confluência da BR com as duas avenidas.

Na madrugada de domingo,  dois carros se chocaram mais adiante, também na rodovia Transamazônica, resultando mortes e vítima em estado critico conduzida ao Hospital Regional de Marabá.

A classe política eleita no Sul do Pará precisa, urgentemente, viabilizar recursos para a duplicação da Rodovia Transamazônica, pelo menos até o KM 12, onde funciona o Campus da Universidade Federal do Sul/Sudeste.

O trânsito pesado naquele trecho, com registro de seguidos acidentes, exige uma ação mais direta dos representantes políticos no Congresso Nacional.

AQUI  e  AQUI, posts do blogueiro alertando sobre os perigos

Post de 

2 Comentários

  1. Ross

    5 de março de 2018 - 13:12 - 13:12
    Reply

    Olá Carol, Pode sim, sem perigo.

  2. Marcus

    1 de março de 2018 - 12:03 - 12:03
    Reply

    Exatamente Hiroshi. Hoje esse trecho é muito movimentado, é a área de expansão da cidade. No estado do Tocantins, toda cidade cortada pela BR-153 teve seu trecho duplicado nos perímetros urbanos, mesmo nas cidades pequenas. Em Marabá também deveria ser assim, ter as rodovias duplicadas no perímetro urbano (BR-222 / BR-155 / BR-230).
    Cadê nossa classe política?

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *