Hiroshi Bogéa On line

Zé Carlos responde a anônimos

 

Atacado impiedosamente na caixa de comentários por anônimos que discordaram de denúncia formulada por ele no blog que mantém, em Belém, o presidente estadual do PV, José Carlos, comenta os comentários, em nota a seguir reproduzida:

 

 

Vou responder ao lote, pois quem leu os comentários acima deve ter deduzido que trata-se da mesma pessoa, possívelmente um deputado ou ligado a um deles. E aviso logo que não vou me defender e nem explicar meu passado, pois tu que fiz, fiz com dignidade.
A postagem que o Blog do Hiroshi republicou, a quem agradeço a gentileza, não tem objetivo de pregar falso moralimo, longe de mim, sou humano e também erro.  O que fiz foi discordar abertamente de uma proposta de lei, ao ver, inconstitucional, pois foge do objetivo do Poder Legislativo, além de ser uma forma disfarçada de financiamento político com dinheiro público.
O deputado anônimo, bem que poderia voltar aqui e dizer para o eleitorado do Pará que acha correto tirar dinheiro da saúde, educação, assistência social e destiná-los a ongs ou associações ligadas políticamente ao seus apoiadores políticos.
Eu, como cidadão, não concordo que o Estado e os municípios se queixem de falta de recursos enquanto na Assembléia Legislativa sobra cinquenta milhões que foi repassado a mais por pura falta de sensibilidade política dos nossos representantes.

José Carlos Lima

Post de 

3 Comentários

  1. Anônimo

    12 de abril de 2012 - 22:15 - 22:15
    Reply

    Égua Zé Carlos, estas completamente equivocado, esse Fundo tem origem nas duas maiores capitais brasileiras (Minas e Rio).
    As Assembleias de lá estão todas sob um controle financeiro que permitiu a modernização tecnologicas como um todo, principalmente, de gabinetes parlamentares e de apoio ao cidadão. Entra no sitio que veras, pois todo Fundo tem um Conselho e praticamente todo o parlamentar tera acesso aos gastos, coisa que hoje e tu qdo. eras deputados não sabias e nem chegava perto, né não? Por isso e tudo mais é que o JUJU deitou e rolou. Penso até que o Presidente Mané Pioneiro e o futuro presidente que virá não vão querer esse Fundo, querem mais é que fique assim. Pergunta pra Perereca como é dificil ter acesso as peças financeiras para se chegar a uma publicação de dados. Peguntas tbm. ao combativo deputado Edmilson, se aindas fala com ele, o que foi que ele criou qdo. foi Prefeito e uns ou todos diretores acabaram demitidos e responderam civilmente. Pelas tuas colocações todos os parlamentares são ladrões do erário? Fundo não é sinônimo de roubalheira como muitos pensam. Sou Contador e não deputado.

  2. Zé Carlos

    11 de abril de 2012 - 10:09 - 10:09
    Reply

    Não cheire essa flor. Ele e Paulo Rocha, líderes dos gráficos em Belém, boicotaram a única greve feita pelos jornalistas de Belém naqueles anos 80/90 por salários dignos, piso salarial e respeito ao horário dos jornalistas em sua jornada diária. Do lado dos patrões, eles dois impediram que os gráficos apoiassem os jornalistas. Por causa disso, os jornalões de Belém rodavam, cheios de telegramas e porcarias todas as manhãs, mesmo sem a presença do pessoal das redações. Muitos colegas gráficos, ficaram envergonhados com a estratégia de Zé Carlos e P.Rocha.
    Agenor Garcia
    jornalista

  3. Hudson Jr

    10 de abril de 2012 - 13:20 - 13:20
    Reply

    Tenho que concordar com esse Zé Carlos, não o conheço, nunca o vi e nem sei de onde vem, mas claramente os comentários postados são de alguma pessoa beneficiada com esse “esquema”.

    PO#!*&¨, o cara vem tentar defender uma sacanagem que acontece e ainda vem gente achar ruim..

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *