Hiroshi Bogéa On line

Violência nas escolas

Leitora Goreth da Costa, professora da rede pública pede publicação, em tom indignado:

A que ponto chegamos ?
A Escola Municipal Martinho Motta, fundada em 1977, passou mais de três anos numa interminável e transtornadora reforma , que provavelmente o prefeito pretende entregar a comunidade no dia do aniversário de Marabá -, mesmo com inúmeros problemas estrturais a serem resolvidos. Houve uma melhora considerável do ambiente .
No entanto ,durante o turno da noite, a escola vem sofrendo invasões de vândalos e depedração pela própria comunidade , além de várias ameaças a funcionários e pessoas da comunidade feitas por indivíduos que deveriam estar fora do convívio social pelas diversas infrações supostamente cometidas . Com os ânimos acirrados, elementos “tocam o terror dentro da escola”.
Ontem(22), a escola foi invadida por elementos armados e a PM foi acionada e hoje ,24 de março, um destes indivíduos agrediu verbalmente e tentou agredir fisicamente o diretor sexagenário da escola, o Srº José Rodrigues da Guia, e este ainda foi ovacionado e apoiado pelos colegas alunos.
Desta feita por não ter mais condições de segurança, a Escola Martinho Motta da Silveira estará reunindo extraordinariamente,provavelmente amanhã, o Conselho Escolar para comunicar a suspensão das aulas no turno da noite até que as autoridades competentes tomem as devidas providências, para garantir a segurança dos servidores e dos verdadeiros estudantes que ali comparecem, com o intuito de buscar o tempo perdido e aprender alguma coisa.
Post de 

20 Comentários

  1. Brenda

    4 de fevereiro de 2012 - 14:52 - 14:52
    Reply

    alerta os alunos dos perigos que existe não só mente para a 7 série como também pra todas as salas que esse mundo mundo oferece nos dias de hoje…obrigado

  2. Brenda

    4 de fevereiro de 2012 - 14:49 - 14:49
    Reply

    bom o martinho motta melhorou muito porque teve muitas brigas feias no ano passado e agora a gente não se ver mais isso tem professores super eficiente para dar aulas pros alunos que querem realmente aprender e ser alguém na vida….

  3. Anonymous

    8 de outubro de 2010 - 17:14 - 17:14
    Reply

    as aulas no martinho motta sao muitos legais os professores sao eficientes e muito legal mais a violencia a cada dia la crece mais e mais tem fatos de alunas que fica brigando no meito patiu adolecentes gravidas aos 15 anos de idade acho que os professos devem falar de sexo nao so na 7 serie e na 8serie tem que falar em todas as turmas esse e o meu recado….

  4. ESCOLA MARTINHO MOTTA

    7 de abril de 2010 - 02:25 - 2:25
    Reply

    As aulas foram suspensas no turno da noite no dia 25 de março por falta de segurança e após uma reunião,realizada no dia 30 de março, na escola com o comando da polícia militar ,o secretário de educação e o conselho escolar onde foi garantido duas equipes que estarão monitorando as escolas onde houve registro de violência através do 190.Com a garantia de policiamento ostensivo para garantir a segurança dos funcionários e dos alunos a escola voltará a ter aulas normalmente no turno da noite.

  5. Anonymous

    31 de março de 2010 - 03:00 - 3:00
    Reply

    ô ! 14:57 eu nem lembrava mais desse apelido do diretor. Mas realmente houve uma época em que as coisas eram mais facéis e as escolas tinham uma certa autonomia para tomar atitudes extremas.No entanto o Ministério Público,acredito que por não conhecer a realidade, já devolveu alguns desses alunos indesejados para as escolas e hoje os diretores estão mais cautelosos ao tomar certas atitudes mas a possibilidade de transferir esses alunos está sendo considerada e infelizmente abandonamos algumas práticas sócio-educativas por falta de espaço e de infra-estrutura mas a escola está quase no ponto e já programos algumas daquelas velhas atividades , amanhã estaremos realizando o evento alusivo a sexta-feira da paixão e em breve estaremos realizando um culto ecumênico.

  6. Anonymous

    30 de março de 2010 - 17:57 - 17:57
    Reply

    Estudei nessa escola uns anos atrás e lembro que todo dia fazíamos uma oração e de vez em quando todo mundo ia para o pátio orar o pai nosso e cantar o hino nacional e me parece que isto não acontece mais. Não será por isso que as coisas desadaram. No meu tempo tinha que andar na linha se não era suspenso teve um ano que doze dos meus colegas foram expulsos e eu quase ia. Mas foi uma lição e eu vi que ficar na bandalheira só ia me trazer problema. No meu tempo quem tocava o terror era o cabeça de cupu.

  7. Anonymous

    30 de março de 2010 - 01:58 - 1:58
    Reply

    Professor é profissional responsável pela instrução do aluno. Educação se adquire em casa desde o berço.

  8. Goreth

    30 de março de 2010 - 01:44 - 1:44
    Reply

    No post, eu citei problemas estruturais. Bem há vários destes problemas , os quais a SEMED é ciente, a SEVOP é ciente , e o gabinete do prefeito também é ciente e há ainda os problemas sociais dos quais as autoridades competentes também estão cientes.Na medida que os problemas aparecem e escola não tenta resolver ela é omissa e deve assumir sua responsabilidade mas se esta informa as autoridades competentes e estas não tomam providências a culpa não é só da escola.Para se fazer um bom trabalho é necessário ter condições de fazê-lo. Sem condições infelizmente não dá pra fazer milagre.Se a escola é tão importante e tem um papel tão fundamental como os comentaristas citam porque ninguém se mobiliza para em prol dela , a medida que os senhores ficam ai com seus traseiros inertes e não tomam atitude nenhuma os senhores agem como os funcionários aos quais atribuem a responsabilidade do "caos". As pessoas que trabalham lá são gente de carne e osso e fazem o que podem.Satisfeitos ou insatisfeitos estão lá tentando dar um jeito nas coisas.Deixem o discurso vazio de lado e façam alguma coisa ,reclamar já é um bom começo mas as vezes é preciso ir além.Sou professora mas sou também membro do Conselho Escolar e digo que tanto o conselho quanto a direção tomaram todas as providências que podia junto ao poder público e estamos aguardando ansiosos as providências mas, além disso eu sou sindicalista e se providências não forem tomadas o SINTEPP poderá protocolar mais uma representação contra o governo municipal junto ao MP.

  9. Anonymous

    30 de março de 2010 - 00:34 - 0:34
    Reply

    Pelo que me consta não é terra sem comando pois tem um diretor e uma vice diretora . Certo que o diretor é um senhor bem idoso de saúde frágil mas a vice diretora pelo que me consta existe exatamente para assumir essas questões na ausência do diretor.Suas denúncias são infundadas e mentirosas.O que eu vejo muito lá é professor na sala de aula e aluno matando aula .De quem será a culpa? No caso do turno da noite é pior é professor dando aula , aluno passeando e querendo nota sem merecer. Se o professor se impor é ameaçado.

  10. Anonymous

    29 de março de 2010 - 05:06 - 5:06
    Reply

    Concordo com o anonimo das 20:26,a escola não esta preparada para receber tantos problemas que vem da comunidade,mas se a metade dos profissionais que estão la dentro recebendo o dinheiro publico trabalhasse de verdade,não enrolasse,tivesse compromisso com o aluno, as coisas estariam um pouco diferente. O aluno percebe a falta de interesse,de compromisso a criança começa o ano indo todos os dis para a escola, chega la o professor não vai,ou chega atrzado ou esta na escola e não entra na sala e os meninos ficam virando bixo na escola,se "comendo" literalmente, a ausencia, a falta de normas,regras tanto para o aluno quanto para os profissionais,gera o clima que se estalou na escola matiho mota, terra sem comando.

  11. Anonymous

    28 de março de 2010 - 03:06 - 3:06
    Reply

    A escola Martinho Motta é uma escola boa e tem muitos profissionais compromissados com seu trabalho inclusive a professora Gorete não é justo alguém fazer tal comentário da professora. Já que não acham nada que desabone a conduta da professora lhe atacam na sua vida pessoal e o seu problema de saúde.Nunca vi tanta covardia.

  12. Anonymous

    28 de março de 2010 - 02:57 - 2:57
    Reply

    É muito fácil pegar a responsabilidade de todo mundo e jogar na escola pública. Se a escola pública não estar em boa situação é porque os recursos a ela destinado são mal aplicados ou desviados pra encher os bolsos dos gestores e ninguém é punido.Na China a corrupção é punida com fuzilamento e ,mesmo assim, tem corrupto mas se o sujeito for pego ele até se suicida por causa da honra da família, no Brasil o cara no máximo passa uns dias na mídia e depois tudo acaba em pizza.

  13. Goreth

    28 de março de 2010 - 01:02 - 1:02
    Reply

    Calúnia pode dar processo. Gostaria de saber quais são as festas que você me viu? Se você não sabe qual é a doença vou lhe dizer LER- Lesão por Esforço Repetitivo e num acaba nunca porque mesmo com a lesão continuei dando aula até que rompeu o nervo , além disso tem outras lesões e um tumor que precisa ser retirado, tá satisfeito. E isso foi adquirido trabalhando não foi puxando saco de prefeito como muitos fazem.Ninguém é obrigado a trabalahar doente mas se você não sabe eu me afastei da sala de aula mas mesmo de licença saúde eu continuei trabalhando pela escola e sem receber um centavo a mais, isso você não fala. Ser professor não é para qualquer um e muitos adoecem e a obrigação da secretaria é providenciar um substituto pois quem paga a licença saúde do trabalhador é a previdência que serve para a doença e para a velhice.A falta de liderança de nossa escola se dar também porque o diretor apesar da idade,da saúde frágil e do tempo de serviço não consegue se aposentar pelo Ipasemar porque passou um ladrão na prefeitura( art. 337 do Código Penal Brasileiro) e não fez o depósito da sua previdência e nenhum prefeito até hoje foi capaz de resolver a situação.E você tá certo mesmo doente , com febre e sem condições eu vou estar nas reuniões do sindicato assim como também estarei nas reuniões do conselho escolar da escola Martinho Motta e as demais onde eu entender que devo estar e nem você e nem ninguém tem nada com isso.

  14. Anonymous

    27 de março de 2010 - 23:26 - 23:26
    Reply

    A violencia chegou em todos os lugares, inclusive na escola que não esta preparada para enfrentar os problemas que batem em sua porta.Mas nós não podemos deixar de fazer uma avaliação honesta da situação que se encontra a escola publica hoje, principalmente a escola martinho mota.Uma escola que tem uma equipe sem lider, onde poucos se comprometem pela escola,professores faltosos,sem pulso e sem compromisso inclusive essa professora gorete,que so vivia de licença saude, uma doença que não acaba nunca, para esta na escola, mais nas reuniões do sinddicato e nas festas ela ta boa.A escola faz parte da sociedade e de todos os problemas dela. nós so não podemos culpar apenas o aluno por todos os problemas que a escola vivi.

  15. Anonymous

    27 de março de 2010 - 12:42 - 12:42
    Reply

    O grande problema da educação começa pela desestrturação familiar e pela perda do pátrio poder da família assisti ontem em um programa da TV por assinatura uma reportagem sobre a Africa onde a educação familiar é a base dos valores morais da sociedade e que um filho não pode contestar o pai e nem responder num tom mais alto do que lhe foi perguntado e lá apesar de inúmeros problemas sociais não existe os indices de violência do Brasil. Então pergunto será que é a escola que não cumpre seu papel? Será que é a polícia que não dá conta do seu serviço? Ou será a família que não educa e não prepara seus filhos para conviver em sociedade?

  16. Anonymous

    26 de março de 2010 - 13:57 - 13:57
    Reply

    Sou aluna da escola e num achei hipocrisia o diretor tentar proteger as outras pessoas do cara que vem ameaçando todo mundo ,intimedando professor e se ele num pode garantir nossa segurança nem dentro da escola pois dois bandidos invadiram a escola armados então num dá mais pra escola funcionar assim . Vários alunos já desistiram por causa dessas coisas que vem acontecendo e bagunça de aluno sempre teve mas do jeito que tá acontecendo esse ano nunca vi.Sou mãe de familha e dona de casa vou pra escola pra estudar mas se num tiver jeito eu vou desistir porque tem um cara que vive atacando as meninas tanto na quadra quanto na saída da escola e tem outro que passa droga dentro da escola na cara dos professor e tem gente que vai usar droga lá quadra.

  17. Anonymous

    26 de março de 2010 - 00:25 - 0:25
    Reply

    Quanta hipocrisia.

  18. Anonymous

    25 de março de 2010 - 22:53 - 22:53
    Reply

    A culpa é da sociedade

  19. Goreth

    25 de março de 2010 - 22:40 - 22:40
    Reply

    Houve uma reunião do Conselho Escolar hoje as 11:00 e foi deliberado pela suspensão das aulas do turno da noite por tempo indeterminado por falta de segurança.Além disso foi encaminhado punições aos supostos alunos inclusive com possível encaminhamento de processo crimeinal de acorco com o artigo 331 do código penal que transcrevo abaixo.
    Desacato

    Art. 331 – Desacatar funcionário público no exercício da função ou em razão dela:

    Pena – detenção, de seis meses a dois anos, ou multa.

    Endereço eletrônico da escola
    http://www.martinhomotta.blogspot.com
    http://www.martinhomotta.spaces.live.com
    email: http://www.martinhomotta27@hotmail.com

  20. Anonymous

    25 de março de 2010 - 18:30 - 18:30
    Reply

    Esse é um drama nacional,infelizmente temos que cuidar "do nosso terreiro",do jeito que essa escola está,já é caso de polícia,manter um guarda no horário letivo(o noturno pelo menos)talvez amenize,outras ideias:campanhas educativas,reunião com os pais,eventos socio esportivos para unir e conscientizar a comunidade discente. Apelar p/Jesus Cristo também é excelente ideia !

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *