Vídeo comprova que Aécio recebia “mesada” de doleiro

Publicado em 20 de março de 2015

 

Estarrecedor o vídeo do depoimento do doleiro Alberto Youssef diz que o deputado José Janene, padrinho de Paulo Roberto Costa diz que  o PP “dividia” uma  diretoria de Furnas – para o pagamento de propinas – com o PSDB e, específicamente, com o então deputado Aécio Neves.

Embora o promotor que o inquiria teime em chamar José Janene de José Genoíno, fica claro que é uma “transa” entre tucanos e pepistas.

É perceptível o constrangimento do inquiridor diante do que é revelado.

Será que o vídeo vai para o Jornal Nacional?

100 mil dólares mensais, mas, lembra Youssef, o dólar estava baratinho.

De 1996 a 2000.

Governo de quem?

Então, Dr. Janot, não é motivo para abrir investigação?

Youssef diz que a “operadora” era a irmã de Aécio.

Que o promotor toma a iniciativa de dizer que era Andreia Neves.

Yousef disse que Janene fava que “não posso pagar mais que isso porque tem a parte do PSDB”.

Vai ficar escondido?

Assistam ao vídeo: