Hiroshi Bogéa On line

Vice-Governador não vê outra saída, sem Reformas

 

A segunda parte da palestra do vice-governador Helenilson Pontes (PPS), em Marabá, falando sobre reforma fiscal a tributária alerta para a necessidade do Pará receber repasses constitucionais advindos da produção de energia elétrica, compensação verde e recorrer à exportação desonerada. “Sem isso, jamais o Estado vai conseguir tirar dois milhões de paraenses abaixo da linha de pobreza”, disse.

O vídeo do final do depoimento encontra-se ao lado, em Fatos Relevantes.

Post de 

1 Comentário

  1. Luis Sergio Anders Cavalcante

    8 de junho de 2011 - 17:39 - 17:39
    Reply

    Hiro, nossos governantes às vezes nos fazem rir – não de alegria com eles – mas sim, pelo quão suas mentes são férteis em buscar e achar soluções rápidas para a “falta de dinheiro”. Nosso Vice-Governador só esqueceu de citar que uma das medidas legais de que dispõe o governo para arrecadar mais, é justamente a “concessão” de isenção fiscal à varios empresarios e seus grupos de lojas em suas varias atividades, principalmente, antes de eleições. Sabes a que me refiro. A exceção se aplica à um seleto e privilegiado grupo, em detrimento da maioria, a quem os rigores das leis fiscais são aplicadas as regras. Em 08.06.11, Marabá-PA.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *