Vereadora de Itupiranga denuncia marido violento e teme sequência de violências

Publicado em 5 de junho de 2015

Izaura vereadora

Vereadora Izaura Cabral (PT)  – foto – , de Itupiranga, apegou-se às redes sociais para repercutir as razões que o lavaram a pedir a sua separação do marido violento, depois de sofrer atos de violência ao lado do ex-companheiro.

Citado apenas como “GB”, em documento entregue ao Ministério Público, o violento marido chegou, conforme conta a parlamentar, a provocar o aborto de primogênito ao espancá-la.

A seguir texto de Izaura, contando as razões da separação, e cópia de declaração assinada diante do MP:

 

—————

TENTEI NÃO FAZER ISSO, MAS SOU OBRIGADA PARA QUE TODOS SAIBAM E COM ISTO TENTO SOBREVIVER, O QUE ESTÁ DIFÍCIL!
Eu sei que muita gente tem ouvido histórias a meu respeito depois que me separei do “GB”, mas muita gente sabe como eu vivia com ele, sempre humilhada E APANHANDO dele. Minha separação se deu porque na ultima surra que levei adoeci e abortei meu bebê por causa dos mal tratos, ATÉ FUI INTERNADA, não aguentei mais, fiz de tudo pra manter minha vida com ele, não foi possível. Agora depois da separação, vivo me escondendo com medo da perseguição feita por ele, em virtude disso denunciei ELE pra polícia e por último na segunda feira o mesmo me agrediu publicamente, chamei a polícia que o prendeu em flagrante, mas já está solto, pedi medida de proteção ao estado e estou aguardando. Publico aqui meu depoimento feito no Ministério Público, para que todos saibam o que estou passando.

Izaura documento