Hiroshi Bogéa On line

Universitários da Unifesspa visitam acampamento atacado

Estudantes, professores, técnicos administrativos da Unifesspa e membros de diversas organizações sociais de Marabá, visitaram hoje o Acampamento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra atacado por pistoleiros no sudeste do Pará.
Na próxima sexta-feira está programado novo evento pela  comunidade universitária: socializar as informações coletadas durante a visita desta terça-feira,  para debater a conjuntura de violência no campo na região.
Universitários da Unifesspa e movimentos sociais vistam acampamento Hugo Chaves.
Post de 

2 Comentários

  1. FABANO

    19 de julho de 2017 - 11:55 - 11:55
    Reply

    CONCORDO É DESSE JEITO MESMO…!!!!!

  2. Edson Morais

    18 de julho de 2017 - 22:57 - 22:57
    Reply

    Como dizia uma senhora conhecida, “MARABA E TERRA DE MURO BAIXO”, quando esses supostas vitimas dos Supostos pistoleiros matam o gado do Fazendeiro, queima as residencias, nao vejo ninguem indo visitar os mesmos, isso e coisa deses professores doutrinadores de idiotas, filho meu não participa de uma palhaçada dessa, isso só fortalece os bandidos infiltrados nesses movimentos

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *