Umas & Outras

Publicado em 23 de novembro de 2007

Correndo liso
Nem tudo é escândalo, no Pará.
Para quem andava coberto de poeira e embalado por solavancos antes de trombar em algum obstáculo na estrada de chão, deliciosamente gostoso sentir o deslizar pela Pa-279. O asfalto passa um sentimento de algo novo no ar. E no horizonte.

———-

Violência
São 11h05. Aqui por Conceição corre informação de que bandidos teriam matado um motorista de ônibus que fazia o trecho Jacundá-Goianésia, numa abordagem de assalto. Verdadeira a notícia, é a primeira vez que ocorre morte de motorista em assaltos na Pa-150.

———-
Sem remédio
Por mais esforço que o prefeito de Conceição do Araguaia faça para melhorar o grau de satisfação da comunidade em relação a administração municipal, não pega. Não progride.
O Álvaro Xavier está mal. Parece mal sem cura.

———–
Perfil urbano
Atuando como consultor do prefeito de Água Azul do Norte, o engenheiro Dário Veloso, filho do ex-prefeito de Marabá, Geraldo Veloso, tem oferecido boas idéias ao administrador. Pelo menos o desenho urbano traçado para a cidade segue uma lógica de quem entende do traçado. Só falta agora aparecer grana para a execução de obras e serviços capazes de conter os impactos sociais aguardados pelo advento dos mega projetos da CVRD na região.

———–
O cara. De novo
O nome dele está correndo assim meio fora da raia, mas que já esteve bem mais longe. Como os motoristas de táxi são informantes confiáveis das cidades, é um deles que afirma: Wagner Fontes voltou a empolgar setores de Redenção. Pode se credenciar a disputar a eleição de 2008.

Porralouca? Desmiolado? Esperto demais? Fora de compasso?

Tudo se diz dele. Só não se pode esquecer do poder de reação sempre demonstrado pelo rapaz ao longo de sua carreira política.

Particularmente, Redenção não merece tanto.