Uma “correspondente de guerra”

Publicado em 31 de janeiro de 2012

 

 

À curiosidade provocada na população de  Canaã dos Carajás pela publicação de um post assinado por Maria Julinha de Adelaide,  percebida nos comentários enviados ao blog,  poster esclarece:

1- Maria Julinha de Adelaide reside no município de Canaã. Chegou à cidade funcionária de uma terceirizada da Vale, trabalhando na área e engenharia.

2- Preocupada com os efeitos da administração cada dia mais desastrosa do prefeito Anuar Alves, e sem compreender o silêncio voluntário da imprensa local diante dos desmandos da gestão pública, Adelaide solicitou espaço para denunciar a preocupamnte possibilidade da Câmara Municipal aprovar pedido de empréstimo de R$ 70 milhões solicitado pela prefeitura.

3- Diante da repercussão positiva do post Canaã se organiza contra empréstimo de R$ 70 mil, o blog decidiu contratá-la para representá-lo, como nossa “correpondente de guerra”,  numa cidade sitiada pelas bandalheiras e atrocidades imperiais de um Grão-Vizir irresponsável.

4- Portanto, a partir de hoje, Maria Julinha de Adelaide, é correspondente deste sítio em Canaã dos Carajás.