Um olhar a brincar

Publicado em 20 de dezembro de 2008

No olhar da criança numa casa de zona rural pode haver um modo triste de falar de coisas alegres. Ou algum susto misterioso sempre que se impõe alguma expectativa.

Na janela de uma casa qualquer da zona rural, o  olhar da criança ama, acaricia, conversa sem palavras, dá boas gargalhadas.

Olhar inteiro, manso, bondoso e lindo.

Pelo olhar dessa criança rural  infiltrando na alma, fabular histórias infinitas de amor se faz necessário.