Hiroshi Bogéa On line
Post de 

7 Comentários

  1. Hiroshi Bogéa

    18 de fevereiro de 2011 - 11:22 - 11:22
    Reply

    (Rs rs rs rs)
    Morrendo de rir aqui.
    08:10, você dormiu curioso (a) pra ver bem cedinho mesmo a denúncia, né? Pronto! Já tá postada, agora às 08:20. Bom dia

  2. Anonymous

    18 de fevereiro de 2011 - 11:10 - 11:10
    Reply

    O seu cedinho não é tão cedinho.

  3. Anonymous

    18 de fevereiro de 2011 - 03:34 - 3:34
    Reply

    Escutando os discursos de moralidade,honestidade dos representantes do governo estadual.

    Venho pedir a vc, da possibilidade de vc agurmentar o senhor José Tostes Secretário da Fazenda, sobre o nepotismo dentro da SEFA,desvio de função dentro da SEFA, esquemas fraudulentos dentro da SEFA, esquemas esses de conhecimento geral, mais não combatidos.

    Hoje mesmo foi publicado no diario oficial do estado 7 remoções ex-officio da Cecomt-Carajás(Marabá)para o Orgão Central. As 7 pessoas removidas contra suas vontades são ocupantes do cargo de motoristas.Inclusive 1 tem e sempre teve domicilio em Marabá. Foram removidos com o argumento de que teria 16 motoristas na citada unidade fazendaria, e que parte deles estaria no desvio de função.
    Detalhe,so foram removidos os motoristas que exerciam suas funções de motoristas, os que estão no desvio de função continuaram lar trabalhando justamente no desvio de função,agora ja esta pronto novas remoções, so que dessa vez de outras unidades para Cecomt-Carajás(apadrinhados), metade seria de motoristas. Trocaram 6 por meia duzia.

    Gostaria de saber quando a SEFA vai estancar a sangria de impostos causado pelos esquemas de vendas de notas fiscais frias(principalmente madeira)e conhecimento de transportes rodoviario e aquaviario das transportadoras.

    Esses esquemas causam um rombo de milhões no cofre do estado todo mes.Detalhe, são praticadas a mais de 20 anos,de conhecimentos de todos da fiscalização, mais não combatidos.

    Hoje deve ter operando no estado do Pará algo entorno de 200(Empresas) transportadoras de cargas. So que somente 5 pessoas devem deter o comando de 100 dessas empresas operando em todo territorio do estado.

    São pessoas que nunca aparecem,mais patrocinão grande estrutura para os fiscais que trabalham nos postos fiscais de fronteiras da SEFA.Como aluguel de casas,carros.
    Mais uma contribuição mensal de 5.000,00 mil reais por empresa,para não ter maiores embaraços nos postos da SEFA.
    Essa citada contribuição seria cobrada para coordenação geral dos postos fiscais do estado,Cecomt-Belém,que comanda da capital(Belém) todos os postos fiscais do estado.Se pelo menos a metade dessas empresas contribuirem com essa caixinha,o pessoal esta bem na foto,5.000,00 reais X 100 Transportadoras= 500.000,00 reais por mes.

    Falar para o Sr.José Tostes ficar de olho nos postos fiscais, a SEFA não é nem de perto a RF,digo no criterio sutileza

  4. Hiroshi Bogéa

    17 de fevereiro de 2011 - 23:28 - 23:28
    Reply

    Até o dia 28 irei a Tucuruí,19:49. Estou sabendo que a onda aí está pesada. Vamos rever amigos, então.

  5. Anonymous

    17 de fevereiro de 2011 - 22:49 - 22:49
    Reply

    Hiroshi, veja se consegue passar pelo menos uma semana em Tucuruí para coletar informações e ver o que está acontecendo por aqui, tanto na Prefeitura como na Câmara Municipal. É matereia nacional!

  6. Hiroshi Bogéa

    17 de fevereiro de 2011 - 21:50 - 21:50
    Reply

    Sim, querida. O "n" entrou ali de gaiato. Já corrigimos, e agradeço a "revisão!. Abs

  7. telmachristiane

    17 de fevereiro de 2011 - 21:42 - 21:42
    Reply

    Oi Hiroshi, não seriam traquinagens? Um abraço.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *