Hiroshi Bogéa On line

Territórios avançam

Nesta segunda (10) e terça-feira (11), no Auditório da Superintendência do Incra, em Marabá, primeira reunião do Colegiado do Sudeste do Programa Territórios da Cidadania.

Carlos Guedes de Guedes, coordenador-geral do NEAD e Membro da Coordenação dos Territórios da Cidadania, estará presente em Marabá e em outras cidades do Pará.

———-
Atualização às 13:17

O coordenador-geral do Núcleo de Estudos Agrários e Desenvolvimento Rural do Ministério do Desenvolvimento Agrário (NEAD/MDA) e membro da coordenação do Programa Territórios da Cidadania, Carlos Mário Guedes de Guedes, apresentou o novo programa do Governo Federal para a equipe da Secretaria de Patrimônio da União do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (SPU/MPOG), em reunião realizada na manhã desta quinta-feira (6). O encontro aconteceu na sede da SPU, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF).
Segundo Guedes, o objetivo da reunião foi integrar ações de gestão de lotes e imóveis públicos em áreas onde há comunidades tradicionais, feitas pela SPU, ao novo programa do governo. “A intenção é fazer com que essa gestão entre como uma nova ação do Programa, além das 135 já definidas. A harmonia entre o MDA e a e a SPU vai nos ajudar a direcionar mais ainda o trabalho”, explica o coordenador.
A secretária do Patrimônio da União, Alexandra Reschke, que solicitou a apresentação, se comprometeu em achar a melhor forma de contribuir. “O Territórios da Cidadania vem ao encontro do que é a nossa política. A base dela é fazer com que o patrimônio da União encontre uma função social e apóie os programas do governo, de inclusão social, de distribuição de renda e desenvolvimento local”, afirmou.
Alexandra demonstrou interesse em ampliar as ações de apoio a regularização fundiária, principalmente das comunidades tradicionais no Território do Marajó (PA), um dos 60 contemplados pelo Territórios da Cidadania. A secretária solicitou aos técnicos de sua equipe que façam um levantamento em todas as gerências regionais do que já está sendo feito e do que pode ser integrado as ações do Programa por lá e em todas as outras regiões do País.
A SPU é responsável pela gestão de todos os lotes e imóveis localizados nas Terras de Marinha (beiras dos rios), onde um contingente de pescadores e comunidades tradicionais vivem como posseiros.
Fonte: Portal do Desenvolvimento Agrário
——–
Atualização às 15:42
Assessoria de imprensa da Coordenadoria-Geral do NEAD esclarece que Carlos Guedes estará presente apenas em Ipixuna do Pará.
Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *