Hiroshi Bogéa On line

Tensões políticas

Ou a República cuida de profissionalizar, através de carreiras, a estrutura orgânica da mecânica administrativa, diminuindo a ingerência política de assunção a determinados cargos, ou este estresse constante de acomodar interesses serão eternos focos de tensão institucional.

Assim termina post do Parsifal Pontes analisando a quebra de braço entre PT e PMDB, para indicação de apadrinhados no governo Dilma.
 
É isto mesmo, deputado.

Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    4 de janeiro de 2011 - 21:40 - 21:40
    Reply

    Vindo de quem vem, isto parece mais piada. É pra rir, então: ahahahahahahah.
    Ora me poupe, o Parsifal, escrevendo assim, tenta se distanciar da sua própria história e do seu partido, como se acima dele estivesse. É muita cara de pau. Dá um óleo de peroba pra ela, dá.

  2. Anonymous

    4 de janeiro de 2011 - 04:19 - 4:19
    Reply

    Hiroshi,
    Essa história de queda de braço é velha. Mas, mim diga uma coisa, O PMDB/PA fez campanha pra DILMA? Conversa fiada. Não merece ocupar nenhum cargo no governo federal.
    Abçs.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *