Hiroshi Bogéa On line

Sobrou pra ela

Imprensa de Redenção informa que a deputada Bernadete Caten (PT) está sendo duramente criticada por não ter comparecido à audiência pública da Comissão dos Direitos Humanos da Assembléia Legislativa, realizada naquele município, para apurar denúncias de maus-tratos, por parte dos órgãos de segurança pública, durante execução da Operação Paz no Campo.

Segundo os jornais, a bronca maior parte das entidades populares e de trabalhadores rurais que esperavam apoio irrestrito da parlamentar durante a coleta de depoimentos.

Mais duro ainda é a coluna de Dinho Santos, correspondente em Redenção do jornal Opinião:

“Muitos dos colonos que estavam na audiência e nos arredores do local da reunião diziam que a deputada, que se diz forte defensora dos trabalhadores rurais, na hora em que o povo camponês mais precisou do seu apoio, ela tinha outros compromissos.
O fato mais comentado pelos colonos quanto a ausência da deputada, foi devido ela ser presidente da Comissão dos Direitos Humanos da AL, ter provocado a reunião e na ´hora do vamos ver´, fugido da raia”.
Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *