Hiroshi Bogéa On line

Sob quatro rodas

Pegando o gancho do Dia Mundial Sem Carro, registre-se que a iminente chegada ao Brasil dos carros “superpopulares”, vindos da China e da Índia, pode antecipar o “apagão” do trânsito nas grandes cidades. Essa é a visão de especialistas em engenharia de tráfego, para quem a idéia de se vender no Brasil carros que custam em seus países de origem valores entre R$ 5 mil e R$ 7 mil – preço de uma motocicleta – aliada à falta de uma política clara que priorize o transporte público, levará cidades grandes e médias a uma perda irreversível de produtividade econômica.
E a queda da qualidade de vida, existente em raríssimas delas.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *