Hiroshi Bogéa On line

Sindicância punitiva

Filemon era um dos fortes tentáculos da deputada Bernadete ten Caten, quando à frente da Superintendência Regional do Incra. Ela já foi condenada e teve decretada a suspensão de seus direitos políticos – assunto em que houve recurso. Ele, Filemon, agora está às voltas com uma Sindicância Punitiva.Só ele? Vamos ver. Como o Incra é um órgão público, com deveres constitucionais de transparência, probidade, legalidade, impessoalidade e moralidade, aguarda-se que a publicidade de seus atos venha a público pelo menos em tipo 12 nos órgãos de imprensa.

Extraído do Quaradouro, o trecho detalha a citação de Filemon Alves Filho, publicada em jornal, para apuração de irregularidades. Aqui, se quiser mais.

Post de 

7 Comentários

  1. ex a garfor

    6 de fevereiro de 2013 - 02:38 - 2:38
    Reply

    Bom ele e bem mal falado mesmo…deve ate dinheiro q foi determinado por justiça p seus ex trabalhadores…. domingo passdo vi ele na feira da folha 28 vendendo frango q ele traz de sao domingos do ararguaia…. nao sei qual sera o proximo golpe…. vejo ele de vez em quando no banco junto outro homem aposto q é um laranja q ele usa p usar contas fora do nome dele….

  2. Anonymous

    11 de agosto de 2007 - 14:18 - 14:18
    Reply

    Poderoso mesmo era o Gilson. Ah se o gabinete falasse!!! ele era o homem que conduzia cada decisão de Bernardete que acatava com muita paixão as idéias dele.

  3. hiroshi

    11 de agosto de 2007 - 02:08 - 2:08
    Reply

    Anonimo, 10:16:
    Não, não é o mesmo.
    Abs

  4. Anonymous

    11 de agosto de 2007 - 01:30 - 1:30
    Reply

    A deputada Bernadete, como ja foi amplamente divulgado, não tem nada a ver com as denuncias da Justiça Federal. Ela provou a inocência dela e será a nossa candidata a prefeita de Marabá.

  5. Anonymous

    11 de agosto de 2007 - 01:16 - 1:16
    Reply

    Esse Filemon é aquele mesmo que foi vice-prefeito do Dativop, em Abel; Figueiredo?

  6. Anonymous

    10 de agosto de 2007 - 23:32 - 23:32
    Reply

    Na BR-222 a fama do Filemon é grande. Vontam cada coisa desse homem.

  7. Anonymous

    10 de agosto de 2007 - 22:33 - 22:33
    Reply

    HIROSHI E ADEMIR tudo passava pelo Filemon. Na verdade, aqui no Incra ele era o todo-poderoso: para dizer NÃO no lugar da política Bernadete e para dizer SIM na linha de frente das tratativas “especiais”. Vão encontrar coisas aí, se fizerem a investigaçào com seriedade. Coisas do arco da velha…

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *