Hiroshi Bogéa On line

Simara contesta inclusão na "Lista Suja"

A Simara se manifesta oficialmente através de e-mail enviado ao blog a respeito de matéria do site Congreso em Foco que a citou inclusa na “Lista Suja” do Ministério do Trabalho:

A SIMARA – Siderúrgica Marabá S.A. vem a público prestar os seguintes esclarecimentos: 1) Entende que a inclusão do seu nome na lista divulgada pelo Ministério do Trabalho (Portaria 540 de 15 de outubro de 2004), publicada no site oficial do órgão, é indevida, uma vez que as irregularidades encontradas foram de ordem administrativa e não referentes a condição análoga à de escravo. Além disso, as irregularidades administrativas apontadas pelo Grupo Móvel de Fiscalização do Ministério do Trabalho em 25 de abril de 2006, foram sanadas conforme documento emitido, em 3 de maio de 2006, pelo próprio Ministério do Trabalho;
2) As doações feitas durante a Campanha Eleitoral de 2006 cumprem todas as disposições previstas na Lei Eleitoral;Em novembro de 2006, o controle acionário da SIMARA foi assumido pelo Grupo Aço Cearense, que tem entre seus valores a prática da política de responsabilidade social, ética e ambiental. Portanto, a SIMARA repudia todas as ações que possam resultar em degradação ambiental e desrespeito à legislação trabalhista.
Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *