Hiroshi Bogéa On line

Setran conclui projeto básico para asfaltamento da rodovia do Rio Preto

Importante informação foi revelada pelo vereador Ilker Moraes, da tribuna da Câmara de Marabá.

O governo do Estado, através da Secretaria de Transportes, concluiu o projeto básico para asfaltamento da Estrada do Rio Preto, ligando Marabá à Vila União, numa extensão de  140 km.

“O secretário Pádua Andrade, chefe da Setran, mais uma vez mostrou sua competência e dinamismo ao levar adiante , e concluir, a formatação do projeto básico para asfaltamento da rodovia do Rio Preto. Na audiência que ele nos concedeu, tivemos essa importante notícia, numa prova de que o governo do Estado está voltado realmente a transformar a nossa região Sul/Sudeste do Pará com obras  importantes que ajudarão no pleno desenvolvimento da região”, disse Ilker.

Conforme o parlamentar, num primeiro momento, está incluso no projeto básico o asfaltamento somente até a Vila União.

“Havia a expectativa de que o governo poderia pavimentar  a estrada do Rio Preto até a Vila Capistrano de Abreu, numa extensão de 180 km. Mas, numa projeção inicial, o projeto prevê obras de asfaltamento somente até a Vila União, local onde a mineradora Buritirama tem sua mina de manganês. Como é a empresa que vai firmar parceria com o governo do Estado visando viabilizar a obra, a Setran trabalha esse trecho inicial para sacramentar logo o start dos serviços de pavimentação”, revelou o vereador.

O planejamento da obra, ainda segundo Ilker Moraes, deverá beneficiar, inicialmente, pavimentação das vias laterais das vilas que existem no trecho entre Marabá e Vila União.

“Por exemplo, será asfaltado  o trecho que sai do trevo da estrada do Rio Preto até a vila Brejo do Meio, numa extensão de 5 km. O Pádua disse que o governador quer beneficiar logo essas comunidades. Em seguida, asfaltamento das vias laterais, dos dois lados, das vilas Brejo do Meio, Imbaúba, Vila Santa Fé, Vila Zé do ônibus,  Vila Três Poderes,  e Vila União”, explicou detalhadamente Ilker Moraes.

A obra de pavimentação dos 140 da Estrada do Rio Preto até Vila União está orçada em algo acima de R$ 200 milhões,informou o parlamentar.

Finalizando, Ilker disse que, a partir de agora, “o governo do Estado, através da Setran, iniciará conversas definitivas com a Buritirama para bater o martelo final e definir o aporte de recursos por parte da mineradora”.

Post de 

2 Comentários

  1. Jr

    11 de março de 2020 - 18:17 - 18:17
    Reply

    E verdade! Também acho difícil

  2. Elizeu

    11 de março de 2020 - 08:46 - 8:46
    Reply

    Divido! Não tá nem arrumando as q já foram feitas,A PA 275 q vem pro Pebas tá só buracos, e outras mais por aí!!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *