Servidores da UFPA fecham reitoria

Publicado em 2 de julho de 2015

Um grupo de servidores da UFPA (Universidade Federal do Pará) fechou o acesso ao prédio da reitoria da instituição na manhã desta quinta-feira (2). O ato é contra o governo federal, que sinalizou um reajuste salarial parcelado à categoria em quatro anos. Os trabalhadores também protestam contra a atitude do reitor da UFPA, Carlos Maneschy, que negou a maioria de pautas da categoria.

Durante o dia de ontem (1º), os servidores da UFPA e UFRA (Universidade Federal Rural da Amazônia), ligados ao Sintdtifes (Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino Superior), fecharam os portões das instiuições pelo mesmo motivo. Eles só permitiram a entrada de pessoas que necessitavam de serviços essenciais ou que cuidariam de animais e plantas.