Serra Leste cheia de névoa

Publicado em 10 de agosto de 2007

Foi tensa, muito tensa, a audiência pública de Parauapebas que debateu o Projeto Serra Leste, da CVRD, ocorrida ontem (9). O tensionamento ficou por conta de 300 garimpeiros de Serra Pelada exigindo uma série de benefícios sociais em favor dos moradores da vila. Liderados por Raimundo Benigno Moreira, presidente do Sindicato dos Garimpeiros de Serra Pelada e da associação dos moradores locais, manifestantes deixaram claro concordar com o empreendimento, desde que a empresa assuma responsabilidades na capacitação dirigida para que eles se candidatem aos empregos que serão gerados, e que não constam dos Estudos de Impactos Ambientais (EIA).
No leque de exigências, querem que as famílias sejam indenizadas pela mineradora para deixar o local, já que estão próximas da área de mineração e temem os impactos da operação, como ruídos e poluição dos corpos d’água, decorrente da drenagem do alto da serra.
Outra sugestão do grupo é pela criação de um núcleo urbano com toda infra-estrutura social, que possa manter sua integridade.

A voz do ditador

Na audiência pública de Curionópolis, ocorrida terça-feira, o prefeito Sebastião Curió (DEM) fez ameaças a diversos manifestantes contrários à aprovação de propostas. Denúncia foi feita esta manhã pelo procurador de Justiça Raimundo Moraes, durante abertura da audiência em Marabá. Por causa disso, o Ministério Pública pensa em pedir a anulação da reunião de Curionópolis.

Provocações

O blog não tem dúvidas em afirmar ter detectado uma queda de braços entre o Ministério Público do Pará e a Companhia Vale do Rio Doce. Foi de claro confronto as manifestações registradas esta manha. De um lado, os promotores Eliane Moreira e Laércio Guilhermino de Abreu, além dos procuradores Raimundo Moraes e Rogério Queiroz, da procuradoria do Estado -, exigindo transparência e o máximo de respeito às normas ambientais. De outro, executivos da Vale com apoio das classes produtoras de Marabá.
As três etapas de liberação das Licenças Prévia, Instalação e de Operação do projeto Mina de Ferro Serra Leste serão abarrotadas de empurra-empurra. É só prestar atenção.