Hiroshi Bogéa On line

Seleção boa de "gole"

Como é que um atleta (Ronaldo) pode chegar a uma Copa pesando 98 quilos? Eu tenho quase isso e não sou atleta.


A frase é de Ricardo Teixeira ao denunciar que havia jogador chegando, “entre 4 e 6 da manhã bêbado”. Dava para ganhar Copa desse jeito?

Post de 

4 Comentários

  1. Anonymous

    4 de agosto de 2007 - 02:07 - 2:07
    Reply

    Tava todo mundo beti-beri na copa, meu…égua!

  2. Anonymous

    3 de agosto de 2007 - 05:04 - 5:04
    Reply

    Um pau d`água falando dos pés de cana.Na entrevista o cara tava cheio de mé.Esses cartolas do futebol brasileiro, com raras exceções estão naquele estágio da cirrose quando o sujeita vomita sangue.

  3. hiroshi

    1 de agosto de 2007 - 22:51 - 22:51
    Reply

    Francisco, e você disse bonito mesmo! Só que com gorducho e bêbados, dava não, queridinho, pra ganhar a Copa.
    Abs

  4. Francisco

    1 de agosto de 2007 - 22:11 - 22:11
    Reply

    Caro Hiroshi,

    Dava, sim, prá ganhar a Copa!
    Claro que dava.

    Se tivéssemos no comando do futebol brasileiro um cara sério, dedicado ao desenvolvimento do futebol no Brasil.

    E não um “paraquedista” como esse indivíduo cuja credencial para ascender – há
    20 longos anos !!! – ao comando da CBF foi o de ser genro do sr. João Havelange.

    Um indivíduo que , na feliz expressão de um jornalista carioca “jamais viu em sua infância uma bola, sequer aquelas feitas de meia que povoam a memória de todo garotinho nascido nos anos 40/50”.

    Um indivíduo cuja administração consiste em corromper, pelo oferecimento de benesses (viagens com direito a acompanhante às principais cidades do mundo ; generosas verbas a fundo perdido às Federações , etc), os Presidentes das Federações Estaduais que o reelegem a cada mandato, com a regularidade de um relógio suiço, pouco se importando em questionar o destino dos milhões de dólares que o futebol brasileiro carreia , via marketing, para a CBF.
    Um indivíduo que fulanizou a sagrada seleção brasileira, expondo-a , anualmente, em incontáveis excursões caça-milhões aos maios remotos lugares do planeta, vulgarizando e abastardando uma equipe pentacampeão que, se seguisse o exemplo do “english team ” ( apenas uma vez campeão do mundo, em 1966),
    teria, em primeiro lugar, um cacife financeiro muito maior e , em segundo lugar, uma expressão futebolística à altura de sua verdadeira expressão.

    Há 20 anos uma convocação da seleção , ainda que para um amistoso, mexia com toda a torcida brasileira.

    Hoje…Quem liga? Hein ? Quem sabe , de cor , o nome dos onze “canarinhos”…

    Qualquer Vagner Love ( com todo respeito, of course ), é chamado.
    Nesta última tinha até um tal de Fernando que, juro por Deus , 99 por cento do Brasil jamais tinha sequer ouvido seu nome.

    E quem comanda tudo isso?
    Quem?
    Aliás esse indivíduo que depois de tanto tempo perpetra essa “denúncia ” atira contra seu próprio peito posto que é ele o responsável maior pelo que aconteceu lá.

    Diga-se , a propósito, que o grande Zico assim já falara , quando entrevistado , na Globo News, queixando-se da falta de comando por ocasião do mal que acometeu Ronaldo na França.

    Não se iludam, qualquer pessoa decente , competente e honesta, dirigindo o futebol brasileiro teria ganho não duas, mas no mínimo tres, quem sabe quatro, Copas do Mundo e , principalmente, há muito já teria dado um sentido profissional ao conjunto das equipes brasileiras e nosso futebol , aí sim, organizado e bem estruturado seria visto em todo o mundo.

    Só prá lhes dar uma idéia – o futebol brasileiro (falo do campeonato nacional, claro) foi “vendido “para 67 países ( televisão) enquanto o inglês ( uma só vez campeão do mundo, repito ) o foi para l34 países, em razão de sua organização e respeito ao calendário.

    E quem tem memória sabe, somente agora há pouco mais de 3/4 anos é que temos um calendário.

    Durante décadas !!! a imprensa clamava por um calendário, e nada acontecia.
    Já tivemos campeonatos com 24 , 48, até 60 e tantos clubes , enfim, uma vergonha total.

    Infelizmente a memória nacional é muito curta. Se não todos se lembrariam desse indivíduo depondo há coisa de 4/5 anos perante a CPI do Futebol num longo depoimento pontilhado de “não sei” “não entendo”, “vou mandar para vossas excelencias os dados depois “, etc,etc,

    Fosse num país sério estaria ele preso, mas aqui com “bancada da bola “no Congresso, ele safou-se – COMO TANTOS OUTROS – lépido e fagueiro , pronto para encher de novo Boeings com dirigentes do futebol e suas “patroas”e lhes proporcionar estadias de duas semanas na capital do mundo – Paris – com tudo às expensas do futebol brasileiro.

    E um indivíduo desses ainda é recebido como Sua Alteza Real por nossa Governadora , que, pasmem , saiu do seu gabinete, apoiada em muletas e tudo , para recebe-lo ao pé do jatinho com reverências mil!

    Meu Deus do Céu…

    Enfim , esse indivíduo não tem moral nem competência prá afirmar nada em se tratando de futebol brasileiro, até porque , como já disse e reafirmo, é ele o maior responsável!

    Tenho dito!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *