Secretaria de Saúde nega caso suspeito de coronavírus em Carajás

Publicado em 16 de março de 2020

Não tem procedência rumores dando conta do surgimento, em Carajás, de um caso suspeito de  coronavírus.

A pessoa seria funcionário da mineradora Vale com residência no alto da serra.

Fonte da Secretaria do Estado de Saúde garantiu ao blogueiro a inexistência de qualquer caso, até hoje, da doença,em território paraense.

A  mineradora  Vale  também informa que está tomando uma série de medidas preventivas.

Abaixo, nota da companhia:

 

 “A Vale vem tomando, desde o final de janeiro, todas as medidas necessárias para apoiar a prevenção da Doença do Coronavírus (COVID-19) em seus locais de trabalho. A partir de segunda-feira (16/3), empregados e terceiros que exercem atividades administrativas em alguns escritórios da Vale no Brasil passam a operar em home office, incluindo a sua sede, no Rio de Janeiro.

Um comitê de crise técnico e outro executivo foram criados para gerir as ações decorrentes desta pandemia. Para garantir a segurança de todos, as viagens não-essenciais internacionais e domésticas foram canceladas ou adiadas por tempo indeterminado, valendo o mesmo para eventos.

Todos os funcionários da Vale que retornarem de viagens internacionais ou domésticas estão instruídos a entrar em contato com a equipe de saúde da empresa por telefone antes de retornar às atividades na empresa, mesmo não apresentando nenhum sintoma do vírus.

Um procedimento específico para o COVID 19 foi criado para lidar com a pandemia adequadamente.

Este procedimento estabelece níveis de gravidade e ações específicas bem definidas.

Seguem operando também em home office escritórios onde o COVID-19 se espalhou: China, Japão, Cingapura e Suíça.

Globalmente, a empresa cumpre os protocolos de saúde e segurança estabelecidos pelas autoridades e agências de cada país e monitora de perto o desdobramento da situação.”