Saúde do ex-prefeito Duciomar Costa se agrava, e ele segue intubado em hospital da capital

Até as primeiras horas da noite desta quarta-feira,  o ex-prefeito de Belém  Duciomar Costa  continuava intubado.

Ele foi levado às pressas a um hospital de Belém depois de  complicações do quadro de pneumonia.

Duciomar deu entrada no Hospital Adventista de Belém no dia 2 deste mês, quando foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

No dia 4, ele recebeu alta da unidade e passou a ser tratado em um apartamento, com quadro estável, mas agora teve piora, segundo a médica Aranda Haber, sobrinha de Duciomar, que o acompanha clinicamente.

“Ele foi intubado porque o quadro se agravou. Ele evoluiu com desconforto respiratório, aumento da pressão arterial e rebaixamento de nível de consciência e acabou precisando da intubação. Está estável, sem piora radiológica, mas ainda não sabemos o que aconteceu. Mudamos o antibiótico, os exames laboratoriais já tinham melhorado, mas agora estamos investigando. Vamos fazer tomografia e ressonância para saber o que houve. Sabemos do quadro infeccioso pneumônico, mas não sabemos se houve alguma complicação neurológica que influenciou no rebaixamento de nível de consciência”, explica.

Duciomar Costa governou Belém por dois mandatos, entre os anos de 2005 e 2013.

Além da pneumonia, o ex-prefeito sofre de uma doença neurológica degenerativa que provoca paralisia motora.

Segundo Aranda, o quadro vem sendo investigado há cinco anos, mas ainda não houve um diagnóstico confirmando que é Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA).