Hiroshi Bogéa On line

Santarém é assim: de cara no poste

 

 

Redes sociais chinelando a prefeita Maria do Carmo, de Santarém, ao denunciarem, com publicação de imagem, concepção grosseiramente errada de um projeto de acessibilidade para deficientes visuais – as cada dia consagradas calçadas com piso especial.

Na foto de Elielson Rezende, publicada no Facebook, dele, dá pra ver que os deficientes irão dar de cara com os burros n´água, ou, mais especificamente, com a cara no poste, se seguirem a sinalização do piso.

As calçadas com piso especial para deficientes visuais, dentro dos padrões exigidos, estão de multiplicando pelas cidades com mais de 150 mil habitantes. Em Marabá, infelizmente, a novidade ainda não sensibilizou a prefeitura municipal.

Em centenas de cidades, prosperam a extensão de acessos para deficientes físicos e visual,  ao idoso e à mãe que usa um carrinho para  transportar seu  filho.

As calçadas são construídas pela prefeitura em comum acordo com os moradores.

Normalmente, os donos de imóveis recorrem aos engenheiros municipais para receber orientação, antes de conceder o espaço da calçada de sua casa para as obras de acessibilidade.

Post de 

6 Comentários

  1. jose n. filho

    25 de junho de 2012 - 16:23 - 16:23
    Reply

    acho que o engenheiro da prefeitura de marabá foi emprestado pra santarem

  2. Anônimo

    24 de junho de 2012 - 14:53 - 14:53
    Reply

    Em Marabá os terrenos nem documentos tinha.

  3. Anônimo

    24 de junho de 2012 - 14:51 - 14:51
    Reply

    Marabá,merece esse tipo de parada de onibús.muito bonita.

  4. Gutemberg Silva

    23 de junho de 2012 - 10:43 - 10:43
    Reply

    Parauapebas: governo DARCI-PT tem ligações com o esquema do bicheiro Carlinhos Cachoeira

    O bicheiro Carlinhos Cachoeira na CPI. Darci-PT, prefeito do esquema Cachoeira, recebendo homenagem do Deputado Bordalo-PT. Prefeito Darci-PT parece ter “salvo conduto” do Ministério Público do Pará, pois apesar de todas as denúncias não há notícias de que o MPPA, no município, tenha instaurado qualquer procedimento para investigar o prefeito.

    O prefeito Darci Lermen-PT endossou o esquema do bicheiro Carlinhos Cachoeira na prefeitura de Parauapebas.

    Ocorreu uma tentativa de contratar diretamente com a construtora DELTA, que já tinha até vencido a licitação, já tinha tudo acordado no valor de R$ 148 milhões, mas que foi cancelado às pressas diante da queda do esquema e prisão do contraventor e criminoso.

    Agora aparece a JM Terraplenagem e Construções Ltda, que atua nas regiões Centro-Oeste e Norte do País. É uma das empresas com supostas ligações com o contraventor Carlinhos Cachoeira e o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO).

    A JM Terraplenagem e Construções Ltda é de Brasilia e pertence a José Maria de Oliveira, que é da mesma família dona da Construmil, empreiteira que entrou recentemente em “processo de recuperação judicial” e aplicou calote no Acre contra fornecedores em decorrência da execução de um lote da BR-364, mas em Parauapebas ela ganhou licitação em 25.04.2012.

    Veja a licitação 3/2012 (veja aqui no site da prefeitura), há evidências que o esquema do bicheiro Carlinhos Cachoeira pode está em pleno funcionamento no governo do Darci-PT, leia os detalhes abaixo:

    A Presidente da Comissão Permanente de Licitação comunica a todos os interessados que da análise dos documentos e a proposta dos preços apresentadas pelas proponentes relativas à CONCORRÊNCIA nº 3/2012-002SEMOB, cujo objeto Contratação de empresa para prestação de serviços de recuperação de vias urbanas pavimentadas, no município de Parauapebas, Estado do Pará, esta Comissão Permanente de Licitação CLASSIFICOU a proponente: JM TERRAPLENAGEM E CONSTRUÇÕES LTDA, vencedora do certame, tendo em vista o critério de julgamento de menor preço e observância das exigências editalícias, no valor total de R$ 4.297.723,30 (Quatro milhões, duzentos e noventa e sete mil, setecentos e vinte e três reais e trinta centavos) por ter apresentado a proposta mais vantajosa para a Administração.

    Parauapebas, Pará 25 de abril de 2012.

    FABIANA DE SOUZA NASCIMENTO
    Comissão Permanente de Licitação
    Presidente

    Apesar de todas as evidências da presença do esquema do bicheiro Carlinhos Cachoeira no governo DARCI-PT, o prefeito petista parece ter uma espécie de “salvo conduto” do Ministério Público em Parauapebas, pois a inércia do órgão na cidade é algo escandaloso e precisa ser urgentemente combatido, denunciado e investigado.
    ________________________
    Clique aqui e conheça mais sobre a JM TERRAPLANAGEM

  5. Alan Souza

    21 de junho de 2012 - 18:13 - 18:13
    Reply

    Hiroshi, pode ser que esteja acontecendo o seguinte (digo “pode”, estou falando em tese): esse piso especial se chama ‘piso tátil’ ou ‘podotátil’. Esse listrado é o ‘piso tátil direcional’.

    Próximo ao poste deverá ser colocado um piso quadrado pontilhado que representa a chegada a um obstáculo e a necessidade de parada e eventual mudança de direção, nesse tipo de sinalização. Esse quadrado é chamado ‘piso tátil de alerta’. Nesse site você pode ver um exemplo do que falo: http://www.totalacessibilidade.com/page009.html

    Algum leitor mocorongo podia verificar se não é isso que está acontecendo.

  6. Anônimo

    21 de junho de 2012 - 16:07 - 16:07
    Reply

    Em Marabá não tem nem calçada!!! As pessoas têm que andar no meio da rua.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *