Hiroshi Bogéa On line

Sanatório tucano

O desespero passou da conta, na campanha de Serra.

Até a mulher do ex-governador de São Paulo partiu pra matança empanzinada.

Em  Nova Iguaçu (RJ), esta manhã, a  um evangélico que declarara voto a Dilma, a mulher do candiadto tucano, Mônica Serra, tascou a lábia navalhada:

               – Ela (Dilma) é a favor de matar as criancinhas.

AQUI.

—————–

atualização às 09:41 (16/09)

Nem a beleza e ternura de Márcia Peltier foram capazes de acalmar as insônias com as quais José Serra vem se debatendo, cada vez que as pesquisas indicam derrota dele já no primeiro turno.

Durante gravação de entrevista  para o programa Jogo do Poder, apresentado pela Márcia na CNT, o tucano  armou  a carabina quando a apresentadora reafirmou aquilo que o país todo já sabe: a de que os ataques na Receita haviam ocorrido numa fase em que Dilma Roussef ainda não era candidata.

O “Zé” virou bicho.

No intervalo do primeiro para o segundo bloco da entrevista, disse que não continuaria mais no estúdio, insinuou até que Márcia estava “fazendo o jogo do PT” . Logo a Márcia…

Como a Internet tem olhos e ouvidos para tudo, já está na rede trechos do áudio que alguém soltou de dentro do estúdio, da discussão de Serra com Márcia, ele ameaçando suspender a entrevista:

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *