Hiroshi Bogéa On line

Sai primeira pesquisa registrada para prefeitura

 

 

Não são duas, mas três – o número de pesquisas realizadas em Marabá no final de março.

Hoje, o Correio do Tocantins divulga números de levantamento de intenção de votos feito por um instituto do Mato Grosso chamado Ibrape, devidamente registrada no TSE.

Nessa pesquisa, Sebastião Miranda aparece em primeiro com 56%; João Salame, 18%; Maurino Magalhães, 6%; Luiz Carlos Pies (PT), 5%; Ítalo Ipojucan (PMDB), 3%; Jorge Bichara (PV) e Miguelito Gomes (PP), com 2%.

Consulta confirma tendência encontrada em outra pesquisa que chegou ao poder do poster, com ligeira diferença  de números, mas que confirmam a liderança de Sebastião Miranda.

Faltou o jornal publicar cenário no qual a disputa fosse resumida às candidaturas de Sebastião Miranda e João Salame – caso o instituto tenha medido essa possibilidade.

Ainda hoje, o blog comentará os números dessa pesquisa, comparando-os ao de outra pesquisa  realizada entre os dias 24 e 27 de março.

Post de 

11 Comentários

  1. Anônimo

    9 de abril de 2012 - 23:01 - 23:01
    Reply

    Foi nessa brincadeira que o povo disse não ao povo do Salame e do Tião.como já não bastasse tanta omissão de varios setores da imprensa.no momento de aniversário da Cidade,lançam com destaque pesquisa que só ouviram empresários é opositorers de Maurino.enquanto na praça ouve motivo emocionantes apresentação da guarda Municipal e pouco deram crédito em divulga-los é porisso que se percebe que as coisas boas que acontecem em Marabá omitem ao povo.

  2. Mestre Chico Barão

    6 de abril de 2012 - 09:17 - 9:17
    Reply

    Dizimo não faz milagre

    Não vejo surpresa do prefeito estar 50 pontos percentuais abaixo do primeiro colocado, noto apenas que o milagre imaginado por ele como homem de Deus ao transformar a prefeitura em templo não aconteceu!

    Ele deveria saber que o dizimo foi criado para sustentar os religiosos queriam levar a palavra do senhor aos infiéis e por este motivo não podiam trabalhar e não que sem trabalhar tivesse automaticamente seu direito de recebê-lo para seu sustento!

    Claro que não trabalhou, porque quem trabalha no mínimo da trabalho, e com essa diferença toda a eleição será apenas o que chamamos de cumprir tabela , salvo futuras coligações sem a presença do prefeito nelas!

    MCB

  3. Anônimo

    6 de abril de 2012 - 00:35 - 0:35
    Reply

    Hiroshi é com pesar que eu faço essa afirmação : Vc profissional que é, deve ter cuidado em não consegui esconder suas preferencias e escolhas pessoais.
    Se vc não gosta do Tião , tem todo direito, agora querer conduzir, direcionar as noticias é falta de ética.
    Como questionar a pesquisa do CT? foi a primeira que saiu e parabéns pela coragem de oficializar junto ao tribunal.
    E tem outra mais recente, onde o Tião ja esta com 61%.
    Cadê as do João? será que é o mesmo instituto que fez na campanha passada?

    • Anônimo

      6 de abril de 2012 - 07:42 - 7:42
      Reply

      Anônimo das 0:35: nada tenho contra Tião Miranda. Minha posição aqui é apenas de esclarecer alguns pontos da pesquisa que devem ser refletidos junto aos leitores do blog. Pesquisa que ouve apenas 350 pessoas e realizada somente na zona urbana, tem erros gravíssimos. Certamente você não entende bulhufas de metodologia de pesquisas. O resto é perfumaria.

  4. Roldivan

    5 de abril de 2012 - 22:49 - 22:49
    Reply

    Sabe-se perfeitamente que o atual gestor de Marabar não vem fazendo uma boa administração, mas dai proferir uma pesquisa bombastica destas referindo-se ao alto percentual ao Deputado Tião Miranda, em circunstancias das vesperas do fracassado Plesbicito a divisão do estado do Pará, onde o Deputado João Salame foi de uma bravura impar ao defender com consistencia de vidia a Divisão do Estado do Pará, e em detrimento ao trablaho do Vereador Miguelito junto ao SDU, é muito pouco provavel que este resultado desta pesquisa tenha quaquer credibilidade junto ao povo de Marabá, pois estes dois momentos refernciados não foi siquer citado o nome do deputado Tião Miranda, a não ser que ele era contra a separação do estado e que nunca deu um titulo nem de cidadão Marabaense pra alguem, imaginem um “TITULO DE TERRA URBANO” onde torna um morador de Marabar um CIDADÃO MARABAENSE. O Miguelito transformou a vida de milhares de Marabaenses com a atitude deste audacioso projeto de CIDADANIA.
    Parabens, Deputado João Salame pela sua bravura e varias atuações em Marabá, como ja disse outras vezes vc é um dos Deputados mais atuantes do Brasil e sobre a Alpa o Caminho vc conhece vão lhe criticar mesmo assim portanto não pare.
    Miguelito vc, dispensa comentários o seu projeto que já virou relidade, hoje é PIONEIRO NO BRASIL, muitos só começaram e parou em números bem inferiores aos seus, meus parabens, e este numero da pesquisa não é verdadeiro não se assuste o seu aceite da sociedade já foi Sacramentado pela mesma.

  5. ANdre

    5 de abril de 2012 - 19:18 - 19:18
    Reply

    Ate onde li estas pesquisas somente auferem o eleitor da cidade de marabá e nao do municipio, ou seja, apenas o povao da zona urbana foi ouvido e a zona rural nao foi. Simples assim se derruba uma pesquisa.

  6. Anônimo

    5 de abril de 2012 - 14:19 - 14:19
    Reply

    esse levantamentoi ta defasado.
    os numeros da pesqis que vc tem hiroshi e que foi realizada por instituto que fez as pesquisas na epoca da campanha eleitoral pro Maurino, portanto, guarda certa credibilidade, revela outros numeros.

    48 pro candidatodo nnão carajas
    27 pro candidato do sim carajas

  7. ana maria

    5 de abril de 2012 - 14:16 - 14:16
    Reply

    boa tarde, caro hiroschi o prefeito de maraba ainda tem tudo kkkk

  8. Mosavelino

    5 de abril de 2012 - 13:57 - 13:57
    Reply

    Tudo indica né Amigo Hiroshi que a candidatura a reeleição do prefeito Maurino não irá incomodar os adversários nesta eleição, a não ser que o mesmo consiga reverter tamanha antipatia popular não e mesmo

  9. Orasnes

    5 de abril de 2012 - 13:15 - 13:15
    Reply

    De fato as primeiras pesquisas afirmam a insatisfação popular, mas Hiroshi endosse sua matéria, por favor, quantos foram os eleitores pesquisados e quando e onde foram pesquisados, se tais informações são cedidas a imprensa!

  10. anonimo

    5 de abril de 2012 - 13:07 - 13:07
    Reply

    Eu ja SAbiaaaaaaaa, dalhe Tião.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *