Hiroshi Bogéa On line

“Rolando Lero” e as negociatas na seleção

 

 

Alguns críticos defensores da demissão de Mano Meneses apontam a “falta de critérios” para o excessivo  número de 102 jogadores   convocados pelo ex-técnico para a seleção, num curto período de pouco mais dois anos de trabalho.

O escriba aqui endossa as denúncias de Romário, o nosso deputado federal  conhecedor das mumunhas dos bastidores do futebol, que cita o excesso de convocação como um frutífero jogo de negociatas.

É inaceitável, para qualquer observador da cena futebolística nacional, compreender o astronômico lance de convocações apenas por “falta de critérios”.

No meio da salada de convocações, há jogadores que não teriam vaga nem num time de várzea – a não ser fossem donos da bola.

Agora surge um levantamento minucioso que vem comprovar as denúncias de Romario, ao abrir sua metralhadora giratória para dizer que Mano Meneses tinha muitos outros interesses em sua saga por convocar atletas totalmernte descategorizados para uma vaga na seleção penta campeã.

De acordo com dados do site transfermarket.co.uk, 28 jogadores (27,5%) – dos 102 convocados -,  foram negociados depois de terem sido convocados por Mano Menezes, movimentando, entre vendas e empréstimos, cerca de 341 milhões de libras em valores não corrigidos, o que equivaleria hoje a R$ 1,144 bi.

Mais de um  bilhão de reais!

Nosso  “Rolando Lero” é muito mais esperto do que compreende a vã filosofia dos mortais tupiniquins.

E do que seus defensores apaixonados.

Post de 

1 Comentário

  1. CAUÍ

    26 de novembro de 2012 - 20:16 - 20:16
    Reply

    È muita cara de pau,querer dizer que o bandido,o mentor, que o grande beneficiado com as bandalheiras da Confederação Brasileira de Futebol. é o seu Mano Manezes, isso è piada, é ? Que ele como todos os técnicos que lá estiveram, convocou inexpressivos jogadores, que são vendidos depois,é mais antigo que o canto do galo, mas dizer que o grande canalha é o Mano ? Quáquáquáquaquá…..

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *