Hiroshi Bogéa On line

Rolando ladeira

Destaque na imprensa internacional, a queda de popularidade de Hugo Chavez é creditada, em grande parte, ao racionamento de energia e água imposto no país há mais de cinco meses.
Quem afirma é pesquisa do Instituto Datanalisis, realizada em outubro, mostrando números preocupantes para o governo venezuelano.

Alguns dados da consulta popular:

– 66% dos venezuelanos estão insatisfeitos com o governo, devido a falta de energia;

– 70% condenam a política para criar emprego;

– 87% em relação à segurança pública.

– 80% dos venezuelanos condenam as declarações de guerra com a Colômbia, feitas pelo presidente.

Em média, os venezuelanos ficam até quatro horas diárias sem energia.

117 apagões ocorreram em todo o país , desde o início do ano, reduzindo a atividade industrial em 10%.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *