Revelia para Elka

Publicado em 22 de janeiro de 2011

Nem a ausencia do vereador Leodato Marques (PP), terceiro membro do grupo de trabalho, impediu que as duas vereadoras da Comissão Especial de Investigação,  Antonia Carvalho (PT) e Irismar Sampaio (PR) decidessem pelo julgamento à revelia da vereadoea Elka Queiroz (PTB).

As duas parlamentares, antes de fechar o relatório que deverá sugerir punição à acusada, tiveram o cuidado de nomear um advogado, tecnicamente denominado defensor dativo, para efetuar a defesa da revelia, num prazo de cinco dias.

A partir da manifestação do defensor dativo, o relatório será formalizado e encaminhado à  votação em plenário.