Resmungos privados

Publicado em 19 de fevereiro de 2009

Mágoa.
Essa a expressão para designar o sentimento ainda aflorado entre associados da Fiepa (Federação das Indústrias do Estado do Pará) em relação a eleição da diretoria do SEBRAE. O blog ouviu de influente diretor resmungos de que o governo usou sua força para interferir numa instituição historicamente gestada sob a égide do setor privado, atropelando planejamento e toda uma sistemática trabalhada previamente.

A Fiepa e a Faepa, segundo o dirigente, depois do que ocorreu no SEBARE, podem a qualquer momento sofrer intervenção também do governo, desde que o mesmo decida encarar a ordem natural do processo eleitoral interno.

O SEBRAE continua dando o que falar, com suas feridas bem abertas.