Radicalismo privado

Publicado em 12 de janeiro de 2008

Quando a greve foi deflagrada, a direção do frigorífico tentou diversos acordos na tentativa de convencer os 200 funcionários a voltarem aos postos de trabalho, garantindo, inclusive, todos os direitos trabalhistas dos empregados incorporados.
As propostas foram rejeitadas.
Agora, cada um das duas centenas de ex-grevistas receberam aviso de Justa Causa.
Demissão em massa.
O fato ocorre em Redenção, nas dependências de um frigorífico recentemente comprado pelo Grupo Bertin.
A unidade industrial, no entanto, está em plena atividade. Substitui, com extrema rapidez, os demissionários.
Cortando o mal pela raiz, a empresa não quer pegar mais sustos em sua produção de escala, temendo ferir contratos internacionais.