Hiroshi Bogéa On line

PT dividido ao meio mostra equilíbrio das correntes

 

Leior José Soares envia cálculos das vagas  obtidas pelas correntes do PT, tanto na Executiva quanto no Diretório.

Com a realização do PED, a consttituição da representação interna, ficou assim:

 

Executiva   (7 vagas):

PTpraValer ocupa 03 vagas.
Articulação Socialista ocupa 03 Vagas.
Democracia Socialista ocupa 01 Vaga.

Diretório  (32 cadeiras): 

PTpraValer 16 Cadeiras.
Articulação Socialista 10 Cadeias.
Democracia Socialista 06 Cadeiras.

Com essa nova configuração, não existe tendência majoritária dentro da legenda, em Marabá.

É pau a pau.

A nova presidente, Bernadete ten Caten, terá que pisar em ovos para conseguir apaziguar os interesses multifacetados do Partido dos Trabalhadores, de olho nas futuras disputas eleitorais.

Post de 

3 Comentários

  1. Luis Sergio Anders Cavalcante

    26 de novembro de 2013 - 10:39 - 10:39
    Reply

    Hiro, aí está. O Sr. Luan, filiado, desnudou, a meu ver, o que acontece com o PT daquí e de lá. Ou seja, o que combatiam, agora fazem sem o mínimo pudor. Esse é o PT. Em 26.11.13, Mba.-PA.

  2. Petista Militante

    25 de novembro de 2013 - 14:48 - 14:48
    Reply

    Hiroshi,

    Quanto à Executiva, falta incluir a Presidência conquistada pela PTPV. Assim, a correlação de forças fica 4×4.

  3. Luan de Aparecido Lima

    25 de novembro de 2013 - 12:10 - 12:10
    Reply

    Caro amigo jornalista, sou filiado ao PT, há mais de 12 anos, em primeiro lugar gostaria que o senhor levasse em consideração os meios erros de português, pois não sou um homem letrado em universidade, apenas tenho um conhecimento adquirido pelo caminho da vida. Ao se falar do partido a qual pertenço, tenho muito orgulho pois este partido vem mudando a historia deste pais,dando vês e vos aos menos favorecidos historicamente. No entanto não e o que se ver em Marabá, aqui este partido historicamente vem servindo há uma única família, que usa um, discurso socializador das riquezas mais apropria se dela em beneficio próprio. Nesta disputa do PED, o que se viu foi de um lado o poder economico liderado pela deputada Bernadete e seu esposo vice Prefeito de Maraba , ambos usando todo o poder da maquina publica a seu favor.( INCRA, SEMED,Um mandato de Deputada, e um mandato de Vice Prefeito ) Contra uma porção de insubordinados ou aqueles que não suportaram mais os mandos e desmandos da Família PEIs TENCATEM, este grupo do PTPV fez tudo o que pode para vencer as eleições interna do partido, compra de voto trafico de influencia, obrigou todos aqueles que tenham contratos a votarem na deputada ,se não! – o endereço era certo rua, ofereceram emprego para varias pessoas, sem falar nos mais de 125 boca de urnas, um aparato de carros e motos um verdadeiro arsenal de GUERRA, contratados por este pessoal com um único objetivo”pega todos para votar em BERNADETE, se for necessário comprar, compre, não importa os meio, mais sim se o fim vencer ,vencer’. Vamos avaliar o outro lado, um mandato de vereadora, um jovem destemido movido pela vontade de mudança. Uma verdadeira briga do TUSTÂO CONTRA O MILHÃO. Tudo isso não e novidade na política nacional, mas como suporta isso dentro de um partido que se diz ser a diferença na política brasileira. Por isso caro jornalista parabenizo a vereadora pela sua coragem, determinação, sua ética e bom senso, não só ela mais todos e todas que entraram nesta batalha em busca da mudança movido pelo ideal da igualdade e da justiça na política e no dentro do PT, Não vou me esconder sou pedreiro, meu nome é Luan de aparecido Lima

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *