Hiroshi Bogéa On line

Projeto capacita técnicos em pecuária leiteira em Marabá

 

A Embrapa Amazônia Oriental inicia nesta terça-feira (31), em Marabá, curso sobre nutrição de vacas leiteiras a pastos suplementadas com concentrados. O evento segue até 2 de junho e é voltado á profissionais  de assistência técnica que atuam na pecuária leiteira no sudeste paraense.

Será a segunda capacitação do projeto “Transferência de tecnologias apropriadas para a promoção de sistemas sustentáveis de produção de leite nas propriedades familiares do sudeste paraense – Leitese PA”, iniciado no ano passado.

De acordo com o pesquisador Bruno Giovanni de Maria, o projeto tem duração de três anos, e ao final, visa ofertar à região, técnicos para assistência de qualidade em qualquer assunto relacionado à pecuária leiteira familiar.

 

O próprio nome do projeto, que ficou como sigla “LeiteSE” é uma analogia e um convite ao Pará, especialmente ao sudeste do estado, para a profissionalização da cadeia leiteira bovina. Bruno explicou que o projeto nasceu fruto da demanda dos produtores de Marabá e região, que há cerca de três anos, apresentaram suas dificuldades e esperanças para o setor, durante evento realizado pela Embrapa Amazônia Oriental, Embrapa Gado de Leite e Sebrae Pará.

 

Em 2015 o projeto foi aprovado e prevê formações continuadas para um mesmo grupo de técnicos que atuam no sudeste paraense e integram a Emater, Coopercar e Agrotins, além de funcionários do Banco do Amazônia (Basa), que atuam nos financiamentos de projetos em pecuária leiteira.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *