Professora da Unifesspa: -” Tendência do Pará registrar aumento exponencial de casos confirmados de coronavírus em 30 dias”

Publicado em 31 de março de 2020

A informação que  o blog passa agora é um estudo piloto que a professora  Ana Cristina Viana Campos,  da Faculdade de Saúde Coletiva, da Unifesspa, realizou,  “usando um modelo estatístico que explica a contagem  de casos da Covid-19, no Pará”.

 

Registre-se ainda que o estudo piloto com as informações oficiais divulgadas até agora, “representam apenas uma pesquisa particular  de reflexão sobre o número de casos”, conforme a professora faz questão de ressaltar.

Ana Cristina não deixa de pontuar uma análise inicial:

 

– “ Temos que ser vigilantes, a contaminação do COVID19 no Pará está aumentando, não rapidamente, graças ao isolamento mantido”.

 

No entanto, os  gráficos produzidos pelo estudo estatístico, diz a professora, “mostram que existe uma grande chance do número de casos no Pará aumentar exponencialmente. Ou seja, se hoje, dia 29 de março, temos 19 casos , poderemos chegar a 361 casos em um mês”.

Os gráfico abaixo realçam a preocupação da professora da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará, que  olha o cenário com preocupação, caso o isolamento social não seja seguido à risca.

 

– “Olhando para os casos por dia no Pará, pode ser que a quantidade de casos aumente de forma anormal, quase imprevisível. Se isso ocorrer, seria muito difícil impedir o controle do espalhamento do coronavirus no estado”.