Hiroshi Bogéa On line

Professor, sim, com muito orgulho

 

 

No dia 15 de outubro comemoramos o Dia do Professor, e usando as palavras de Saramago: devemos dar com as duas mãos o que os professores merecem, para que eles possam, também com as duas mãos, retribuir à sociedade o que têm de melhor.

Professor não merece receber uma mensagensinha nostálgica, muito menos propagandas de distribuidoras de livros homenageando-os. Professor merece receber reconhecimento pelo seu trabalho sério e competente, merece receber prêmios por transformar conteúdos em conhecimento prazeroso. Pois um bom professor faz a diferença onde atua, não se comporta como vítima, mas como agente de mudanças. Um bom professor é impaciente, não se acomoda em meio às dificuldades.

 

 

Os dois parágrafos acima integram o texto de Evilângela Lima, em homenagem ao Dia do Professor, que transcorre neste sábado, 15.

Sensivelmente apaixonada pela sua profissão, a educadora exorta a classe a abraçar, cada vez mais, a causa educacional “de nariz empinado, orgulhosos do que fazemos”, conforme ela registra no emeio enviado à editoria do blog, justificando o tema de seu artigo da semana.

Para ler o texto completo, clique na coluna Colaboradores, ao lado.

Post de 

4 Comentários

  1. Cleomar Caldas

    19 de outubro de 2011 - 00:36 - 0:36
    Reply

    Bela homenagem e reflexão para os professores!Por todo o conhecimento transmitido,por toda a doação emocional que passamos aos aprendizes merecíamos,sim,mais respeito e consideração.Não são apenas palavras e números que copiamos no quadro,são fatos decisivos que ajudam a constriur o caráter humano.É por isso e muito mais que elogiamos quem defende a nossa profissão porque indubitavelmente todos têm algo pra transmitir, sendo em uma sala de aula ou na vida!

  2. Anônimo

    16 de outubro de 2011 - 00:10 - 0:10
    Reply

    Quando alguêm vem questionar que Maurino não está trabalhando em Marabá.pergunto logo se está pessoa conhece nossa terra e região.antes de Maurino passou pela prefetura de Marabá,dezenas de prefeitos fizeram seus trabalhos.os três ultimos não fizeram 100 km de pavimentação.Maurino com três anos já se aproxima a 40 km.nos outros aspectos Maurino e empativél.

  3. Anônimo

    15 de outubro de 2011 - 23:59 - 23:59
    Reply

    Maurino com sua sensibilidade resolve um poblema dos professores do magistéria, que vem se arrastando desde 2003.perca salarial.quando eu digo que Maurino Magalhães, esta resolvendo tudo que os outros não tiveram a sensibilidade e coragem de resolverem. só não vê quem não quer.

  4. A Força do Sim...

    14 de outubro de 2011 - 19:26 - 19:26
    Reply

    Os professores merecem com certeza todas as homenagens. As grandes homenagens. Infelizmente não é isso que acontece! Isso me remete, Hiro, ao ex-graças a Deus-prefeito, Tião Miranda; Que um certo dia, ao se reunir (como raríssimamente fazia) com a classe que reivindicava aumento salarial, “vomitou” o seguinte, do alto da sua categoria: “Vcs estudaram e fizeram concurso foi pra professor, professor ganha pouco, vcs não sabiam? Quem ganha muito é médico”.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *