Primeira página

Publicado em 10 de julho de 2010

Poster teve a curiosidade, agora à noite, de checar as manchetes dos principais jornais do país que circularam nesta sexta-feira, para medir a sensibilidade de seus editores quanto ao principal fato ocorrido no mundo, na quinta-feira: o anúncio da descoberta de anticorpo que neutraliza em quase 100% cepas do vírus HIV, abrindo caminho para a possibilidade de se produzir vacina contra a doença.

Por incrível possa parecer, apenas o Zero Hora, de Porto Alegre, privilegiou o fato com manchete de primeira página: “Cientistas avançam na luta contra a aids”.

A maioria dos principais jornais de vinte capitais preferiu fazer chamadas.

Outros, nem isso fizeram. Passaram batidos.

Em Belém, apenas O Liberal destacou em rodapé da primeira página: “Ciências se aproxima da vacina contra a Aids”.

O Caso Bruno ocupa 72% dos espaços pesquisados.