Presídio feminino de Marabá está concluído

O novo Centro de Recuperação Feminino (CRF) de Marabá recebeu ontem, 21, uma vistoria técnica antes da entrega final da obra do presídio que já foi 100% concluída. A vistoria teve como objetivo verificar se a obra foi executada em conformidade com os projetos previamente aprovados.Na visita, estiveram presentes representantes da Caixa Econômica Federal, da Casa Civil, o superintendente da Susipe, André Cunha, a arquiteta e gerente da Divisão de Engenharia e Arquitetura (DEAR) da Susipe, Célia Monteiro, que também é a fiscal da obra e, ainda, representantes da Con-Art. FOTO: THIAGO GOMES / ASCOM SUSIPE DATA: 22.07.2015 MARABÁ - PARÁ

O novo Centro de Recuperação Feminino (CRF) de Marabá está concluído.

A nova unidade prisional, exclusivamente para mulheres, tem capacidade para 86 novas vagas, e é a primeira do Norte a contar com um berçário para os bebês das detentas grávidas.

Com mais de 10 mil metros quadrados, o novo CRF irá contar com 20 celas, sendo uma para Pessoa com Deficiência (PCD), quatro celas de isolamento e duas salas de visita íntima.

O centro de detenção terá, ainda, consultório médico e odontológico, ambulatório, salas de aula, parlatório, brinquedoteca, sala de apoio para advogados, além de ser a primeira do Norte do Brasil a disponibilizar um berçário com fraldário e sala de amamentação.

O espaço contará com cinco leitos para mães e bebês.

Para garantir a segurança, a unidade possui três salas de revista, quatro guaritas de vigilância, recepção com vidros blindados e ainda terá o sistema de monitoramento eletrônico por câmeras de circuito interno.

A casa penal também adotou modelo de passarelas, no qual os agentes prisionais acompanham a movimentação dos presos de um andar superior, o que garante mais segurança ao procedimento de abertura e fechamento de celas sem o contato direto com as detentas.

O município de Marabá foi escolhido para a construção da nova unidade devido a grande demanda de mulheres presas na região.

Além de Marabá, outros três novos centros de detenção feminino serão construídos pela Susipe.

Dois já estão em andamento, sendo um em Santarém e outro em Vitória do Xingu; o outro, o novo Centro de Recuperação Feminino, no município de Marituba, na grande Belém, ainda está em fase inicial de obras.

O novo Centro de Recuperação Feminino (CRF) de Marabá recebeu ontem, 21, uma vistoria técnica antes da entrega final da obra do presídio que já foi 100% concluída. A vistoria teve como objetivo verificar se a obra foi executada em conformidade com os projetos previamente aprovados.Na visita, estiveram presentes representantes da Caixa Econômica Federal, da Casa Civil, o superintendente da Susipe, André Cunha, a arquiteta e gerente da Divisão de Engenharia e Arquitetura (DEAR) da Susipe, Célia Monteiro, que também é a fiscal da obra e, ainda, representantes da Con-Art. FOTO: THIAGO GOMES / ASCOM SUSIPE DATA: 22.07.2015 MARABÁ - PARÁ

Fotos de Thiago Gomes