Hiroshi Bogéa On line

Presença de Ana

 

 

A inclusão da ex-governadora Ana Júlia, ao lado de Simão Jatene, na reunião com a ministra Miriam Belchior, do Planejamento, na quinta-feira, 14, em Brasília, teve o caráter de simbolizar todo o envolvimento dela no processo de formatação das obras estratégicas para a industrialização plena de Marabá.

Disso ninguém tira de Ana: é dela o start governamental para a concretização da Alpa e das obras do entorno, entre elas a hidrovia.

Post de 

19 Comentários

  1. Brasiliano Santos

    12 de abril de 2013 - 15:36 - 15:36
    Reply

    Eu nãos sei como ainda tem gente que abre a boca pra falar “merda; como é que pode alguem com o minimo de informação, acreditar que o que o Brasil viveu no governo tucano deve ser digno de elogios.
    Ouvir e / ou ler essas baboseiras, é de matar qualquer cidadão de bem. Engolir a falácia de que tudo o que o país conquistou apartir do governo Lula foi graças a algum trabalho de base que o FHC fez! Que base foi que ele deixou meu caro Jorge?… as únicas bases que eu lembro e muito bem que o FHC deixou ficaram expresos nos indicadores vergonhosos econômicos e principalmente sociais quando o Lula assumiu.
    kkkkkkkk… só dando esse gargalhada pra nao chorar do que o amigo Jorge. comentou…. aliás… comentário infleliz….

  2. Jorge Taiguara

    25 de dezembro de 2011 - 12:00 - 12:00
    Reply

    Caro José das Graças, o clima e a época é propicia para se dae e receber presentes, ficarei muito grato e reconhecido, se você me presentear com essa obra literária, quanto a mudar de idéias, quem sabe?
    Você conhece a Vale e a Petrobras, qual das duas tem melhores resultados?

  3. Jorge Taiguara

    25 de dezembro de 2011 - 11:55 - 11:55
    Reply

    As pessoas inteligentes realmente dialogam, respeito suas colocações apesar de discordar, entretanto obrigado pela cortezia do convite e pela forma gentil que amim se dirige. Qualquer hora agente se encontra!

  4. jose das graças ribeiro

    23 de dezembro de 2011 - 15:10 - 15:10
    Reply

    Valeu Raimundao voce so nao joga bola mais doque o Messi mais doque Neymar isso eu tenho certeza. E UM FELIZ NATAL.

  5. jose das graças ribeiro

    23 de dezembro de 2011 - 15:05 - 15:05
    Reply

    Jorge Tayguara voce precisa ler o livro a PRIVATARIA TUCANA ai talvez voce mude de ideia.

  6. Evandro Junior

    22 de dezembro de 2011 - 08:24 - 8:24
    Reply

    Se o Start é da Ana, o Stop é do já era, ou Jatene….

  7. Raimundão

    21 de dezembro de 2011 - 12:49 - 12:49
    Reply

    Jorge, meu amigo, o plano real estava fazendo água, o que estava segurando o referido plano era o dinheiro das privatizações,e teria afundado se não fossem as medidas que foram tomadas pelo novo governo, que o antigo não faria. FHC é o queridinho da mídia, assim como o é o Aecio Neves, que está sendo preparado pela imprensa e elites, para ser o novo presidente. Ele é “gente fina”, “homem sério”, só não gosta de fazer exame do bafômetro, ou seja , não quer cumprir a lei. Caro Jorge, isso é papo para mais de metro, temos que nos encontrar na orla e bater um papo legal. Aqui não vamos chegar a nenhuma conclusão, talvez nem lá.

    Um abraço.

  8. Jorge Taiguara

    20 de dezembro de 2011 - 22:09 - 22:09
    Reply

    Raimundão não é atôa que a presidenta Dilma tem uma consideração e adimirção pelo ex-presidente FHC, foi ele sim que fez todo o trabalho de base para que o Brasil no govêno Lula pude-se fazer o que foi feito e cantado em prozas e versos e os méritos como sendo de Lula. Tanto isso é verdadeiro que o ex-presidente Lula teve a sabedoria de continuar com a politica ecônomica de FHC. Nunca esqueça disso, nos temos memória curta, mas hoje ha de se reconhecer que FHC, teve um papel fundamental, para que hoje nós estejamos usufruindo do trabalho de base deixado por ele, os números falam por si só.

  9. Raimundão

    20 de dezembro de 2011 - 20:13 - 20:13
    Reply

    pupilos

  10. Raimundão

    20 de dezembro de 2011 - 20:12 - 20:12
    Reply

    Jatene e Almir Gabriel, são pipupilos de Fernando Henrique Cardoso, que é considerado por muitos, um excelente Presidente (menos eu). E hoje está tentando liberar a droga no Brasil.

  11. Celio

    20 de dezembro de 2011 - 18:41 - 18:41
    Reply

    O Pará perdeu a subsede da copa 2014 foi por toda a sua história e não pelos 4 anos do governo Ana Júlia. Essa história de que foi o governo da petista que perdeu a copa é pra boi dormir. Belém perdeu a copa assim como perdeu pra Manaus há quase uma década o título de cidade mais importante da Amazônia, conheço as duas cidades não tem comparação, a capital do Amazonas está muitíssimo melhor servida de infraestrutura que Belém, e a essa diferença de infraestrutura entre Manaus e Belém não ocorreu em apenas 4 anos, há quase duas décadas Manus vem sendo melhor tratada que Belém neste quesito. Quando falo em infraestrutura me refiro a transporte urbano, tecnologia da informação e condições de acesso por conexões aeréas. O Pará começou aperder para o Amazônas há quase duas décadas, basta ver os governantes relapsos que este Parazão já teve, e neste caso e excluo a ex-governadora, pois ela teve coragem pra introduzir significativos avanços, como a Alpa, os centros de pesquisa do Guamá em Belém e os de Marabá e Santarém, além do centro de Madeira e Móveis que estava previsto pra Paragominas. Mas tudo isso deve se perder com esse governo que tá ai e vive de campanhas de marketing, como a história de brigar pelo fim da Lei Kandir e não aparecer em Brasília no dia que os governadores foram à capital federal discutir as possíveis compensações para os estados que são afetados pela mesma. O triste de tudo é que as pessoas terminam por se deixar levar por este marketing manipulativo.

  12. Jorge Taiguara

    18 de dezembro de 2011 - 17:02 - 17:02
    Reply

    Precisamos fazer diferença entre o que é politica de Estado e politica de govêrno. A ALPA é uma questão de Estado, em assim sendo ela se sobrepõe as paixões paroquiais, nada mais justo que a ex-governadora Ana Júlia se fizesse presente a audiência – que diga-se de passagem foi conseguida pelos esforços de bancada – até como uma deferência especial a ela que reconhecidamente muito se empenhou junto ao ex-presidente Lula para que o projeto fosse implantado no Pará.
    Anonimo deixa de ser raivoso, a ira causa doença, espera o desenrolar dos acontecimentos, não te precipitas.

  13. Anônimo

    17 de dezembro de 2011 - 20:04 - 20:04
    Reply

    Muita gente ouviu, quando representante da Alpa comentava que a ex Governadora estava cumprindo com todos os compromissos com a Alpa.Jatene faz ao contrário dificultando tudo como de costume.atrapalhar ou vender tudo como faz os tucanos.

  14. Anônimo

    17 de dezembro de 2011 - 19:56 - 19:56
    Reply

    Maurino foi mais esperto do que o povo que elegeu Jatene,seu apoio a Ana Júlia do PT.Foi muito importante, hoje o mesmo está afinado com a bancada do PT em Brasilia.

  15. joao filho

    16 de dezembro de 2011 - 23:31 - 23:31
    Reply

    Pescando, ora.

  16. Celio

    16 de dezembro de 2011 - 21:07 - 21:07
    Reply

    Hiroshi o governador não para de bradir contra a tal Lei Kandir não é mesmo? Pois bem, houve na quarta-feira, 14/12, uma reunião entre o presidente da Câmara Federal, Marco Maia/PT, e os govenadores dos estados que alegam prejuízos com a tal lei, pois bem, ganha um doce se você advinhar quem faltou e, tão pouco, mandou representante.

    O link da Ag. Câmara de Notícias tai pra quem quiser conferir:

    http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/ECONOMIA/206953-GOVERNADORES-PEDEM-R$-7,5-BILHOES-PARA-COMPENSAR-LEI-KANDIR.html

    Caso se confirme que o homem não foi, tão pouco amdou alguém representá-lo, fica uma perguntinha: por onde ele andava?

  17. Donner

    16 de dezembro de 2011 - 16:28 - 16:28
    Reply

    A grande jogada é que o Povo de Pão e Circo. Então sempre vão dizer que a Copa era prioridade. Vão assistir o fracasso que vai ser Manaus com apenas 4 jogos de muito pouco relevância. Vão é deixar o Estado é endividado. Dizem que a Grecia quebrou foi com as Olímpiadas, então veremos.

  18. anonimo

    16 de dezembro de 2011 - 10:18 - 10:18
    Reply

    Ainda bem que a copa do mundo não vai se realizar no Para pois imaginem um Estado falido investir cerca de R$ 1 bi e no final o povo que gosta de futebol não poder assistir a um jogo por não poder pagar a entrada.
    No jogo da seleção o governo do estado investiu no Mangueirão mais de R$ 1 milhão e o ingresso mais barato custou R$ 70 e a CBF levou para o Rio cerca de R$ 4 milhões.

  19. Anônimo Filho de Marabá

    16 de dezembro de 2011 - 08:47 - 8:47
    Reply

    Hiroshi, que bom seria, se ela tivesse se unida a classe politica quando governadora. Talvez BELÉM não tivesse perdido a subsede da copa 2014.Isto, ela deve ao POVO do PARAZÃO!

Leave a Reply to Evandro Junior

Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *