Pra debaixo do tapete

Publicado em 29 de março de 2011

 

No blog da Franssinete Florenzano:

 Os deputados estaduais cometem um erro estratégico ao barrar a CPI para investigar as irregularidades na Alepa.

(…) Até porque a ex-servidora Mônica Pinto, que no início estava servindo de bode expiatório, não foi chamada a depor na Sindicância e já avisou que se for convocada, vai contar tudinho, tintim por tintim.

Então, está passando da hora de chamar a Mônica e passar um pente fino com lupa na Alepa.

 ———

NB: Sim, está passando da hora.

Como também está impacientando as posições dos deputados estaduais João Salame (PPS)  e Sebastião Miranda (PSDB), representantes de Marabá, até agora refugando assinatura ao pedido da CPI